A próxima plataforma? PC? Não, Mobile

Curioso para saber qual será a próxima plataforma? Se imaginou que ainda será o , se enganou, pois a plataforma está aí.

Quem conhece um pouco da história da informática (principalmente os anos 80), deve saber que houve um tempo em que quase ninguém tinha acesso a computadores (pois eles eram gigantescos) e microcomputador era um conceito que ainda não havia se firmado.

Com o surgimento do IBM-PC equipado com o sistema operacional DOS, iniciou-se a consolidação da plataforma que é hoje conhecida como PC (Personal Computer). Esse acontecimento foi essencial para a popularização dos computadores, pois, antes disso, até existiam alguns microcomputadores, porém, nenhum deles conseguia se estabelecer no mercado e consequentemente, ninguém produzia software suficiente para manter essas plataformas.


Veja também


Agora essa história se repete no mundo da mobilidade, puxado pela ascensão dos smartphones e o surgimento dos serviços em “nuvem”. Apesar dos smartphones já existirem a bastante tempo, foi depois do sucesso do e depois dos aparelhos com , que essa categoria começou a ganhar mais destaque, alavancado principalmente pelas interfaces touchscreen.



Diferente da plataforma PC, a mobile ainda não tem um arquitetura de hardware padrão, mais têm em comum os processadores ARM, que, nos principais modelos de smartphones, são os mais usados. Já na parte de Software, destacam-se as plataformas (iOS) e Android, além da WindowsPhone, Simbian  e WebOS.

A maior prova do estabelecimento da plataforma mobile é a criação de aplicativos para os dois principais ambientes operacionais. A AppStore da já tem mais de 100.000 programas disponíveis, a Android market também está crescendo rapidamente. E como a história mostra, depois que uma plataforma passa a ter milhares de aplicativos, dificilmente ela morre e isso é muito bom para os usuários, desenvolvedores e proprietários dos sistemas operacionais.

Para completar, depois do lançamento da AppleTv e do da Apple, o IOS ganhou mais espaço e pode se estabelecer como principal ambiente operacional da plataforma mobile. Enquanto isso, o Android cresce por ter maior variedade de dispositivos que vem com ele instalado.

É óbvio que a plataforma mobile está vivendo uma fase de estabelecimento. Um novo horizonte está se firmando no universo da informática, uma nova base que irá demandar novos softwares, hardwares e irá gerar muita concorrência.

Podemos esperar muitas novidades e reviravoltas na plataforma mobile, mas uma coisa é certa, ela já se estabeleceu e está em vias de ter um padrão, porém, ele não será tão homogêneo como na plataforma PC e a famosa dobradinha Windows/Intel.

O que está sendo falado no blog hoje

Não está aparecendo algo?

Este post é melhor visualizado acessando direto da fonte. Para isso, clique nesse link.

Edivaldo

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande de fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Website: http://www.edivaldobrito.com.br



blog comments powered by Disqus