Como atualizar o núcleo do Ubuntu para o kernel 4.7.1

Greg Kroah-Hartman anunciou o lançamento e disponibilidade da primeira atualização da série 4.7, o kernel 4.7.1. Se você quiser atualizar seu sistema para essa nova versão, veja abaixo como fazer isso.


O kernel 4.7.1 traz pequenas melhorias para as arquiteturas de hardware ARM, MIPS e x86, várias correções para o sistema de arquivos EXT4 e FUSE, atualizações relacionadas a rede, InfiniBand , TTY e drivers cPUFreq, várias correções de crypto e mm, bem como uma pilha de rede atualizada com melhorias em IPv6, IPv4, SCTP e IrDA.

Como atualizar o núcleo do Ubuntu para o kernel 4.7.1


Veja também


Há também uma correção de segurança para um problema no AppArmor relacionado com um perfil hash SHA1. Portanto, se você estiver usando um sistema operacional GNU/Linux alimentado por um kernel da série Linux 4.7, você precisa atualizar para o kernel Linux 4.7.1, o mais rapidamente possível.



Para ver todas as mudanças presentes nesse kernel, acesse a nota de lançamento.

Atualizar ou não atualizar! Eis a questão

Essa série é voltada principalmente para os usuários que querem ter no seu sistema, a última versão do kernel Linux. Ela também serve para as pessoas que estão tendo problemas em algum hardware ou no reconhecimento deste e estão na expectativa de alguma correção.
Independente disso, o procedimento a seguir é muito simples e pode ser desfeito com poucos comandos, conforme mostrado no final. Na verdade, se o usuário quiser continuar dando boot pelo kernel anterior, basta apenas escolher a opção no menu do Grub e o novo kernel nem afetará seu sistema.

É 100% seguro? Nada é, mas é exatamente por isso que você deve escolher se irá ou não atualizar (e por isso coloco sempre a mensagem de alerta no texto), pois assim como no uso do software livre/open source, a liberdade de escolha é sua.

Antes de iniciar começar a atualizar o kernel do Ubuntu, saiba que este é um procedimento, que apesar de simples, exige conhecimentos avançados do sistema e deve ser feito por sua própria conta e risco.

Se preferir, é possível fazer a atualização para esse kernel usando a ferramenta Kernel Update, que automatiza todo o processo, conforme mostrado nesse tutorial:
Como atualizar o kernel do Ubuntu com o Kernel Update
Mas quem quiser executar e ver cada etapa da atualização, basta seguir o procedimento abaixo:

Como atualizar o núcleo do Ubuntu para a versão final do kernel 4.7.1

Para atualizar o núcleo do Ubuntu para a versão final do kernel 4.7.1, faça o seguinte
Passo 1. Abra um terminal (Usando o Dash ou pressionando as teclas CTRL+ALT+T);
Passo 2. Verifique qual a arquitetura de seu sistema acessando as Configurações do Sistema e a opção “Detalhes” ou usando o comando abaixo:

uname -m

Passo 3. Se estiver usando um sistema de 32 bits, baixe os arquivos DEB com os comandos:

wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-headers-4.7.1-040701_4.7.1-040701.201608160432_all.deb
wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-headers-4.7.1-040701-generic_4.7.1-040701.201608160432_i386.deb
wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-image-4.7.1-040701-generic_4.7.1-040701.201608160432_i386.deb

Passo 4. Se estiver usando um sistema de 32 bits e quiser usar o kernel de baixa latência, baixe os arquivos DEB com os comandos:

wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-headers-4.7.1-040701_4.7.1-040701.201608160432_all.deb
wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-headers-4.7.1-040701-lowlatency_4.7.1-040701.201608160432_i386.deb
wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-image-4.7.1-040701-lowlatency_4.7.1-040701.201608160432_i386.deb

Passo 5. Se estiver usando um sistema de 64 bits, baixe os arquivos DEB com os comandos:

wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-headers-4.7.1-040701_4.7.1-040701.201608160432_all.deb
wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-headers-4.7.1-040701-generic_4.7.1-040701.201608160432_amd64.deb
wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-image-4.7.1-040701-generic_4.7.1-040701.201608160432_amd64.deb

Passo 6. Se estiver usando um sistema de 64 bits e quiser usar o kernel de baixa latência, baixe os arquivos DEB com os comandos:

wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-headers-4.7.1-040701_4.7.1-040701.201608160432_all.deb
wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-headers-4.7.1-040701-lowlatency_4.7.1-040701.201608160432_i386.deb
wget http://kernel.ubuntu.com/~kernel-ppa/mainline/v4.7.1/linux-image-4.7.1-040701-lowlatency_4.7.1-040701.201608160432_amd64.deb

Passo 7. Instale o kernel com o comando:

sudo dpkg -i linux-headers-4.7.1*.deb linux-image-4.7.1*.deb

Passo 8. Reinicie o sistema com o comando abaixo:

sudo reboot

Passo 9. Se você tiver algum problema e quiser desinstalar o kernel 4.7.1, reinicie o computador com um kernel anterior (usando Grub -> Advanced -> select previous kernel) e quando iniciar o sistema, faça login, abra um terminal e execute o comando abaixo para remover o Linux Kernel 4.7.1:

sudo apt-get remove linux-headers-4.7.1 linux-image-4.7.1

Passo 10. Finalmente atualize o menu do GRUB, com o comando:

sudo update-grub

Nota: Todos os drivers que não fazem parte da principal árvore do kernel (o que obviamente inclui drivers proprietários) devem ser recompilados para novas versões do kernel.

O que está sendo falado no blog nos últimos dias


Edivaldo

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande de fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Website: http://www.edivaldobrito.com.br



blog comments powered by Disqus