Cinnamon 2.3 já está disponível para Ubuntu e seus derivados

Boa noticia para os fãs desse que veio do Linux Mint: 2.3 já está disponível para Ubuntu e seus derivados. Se você quiser experimentá-lo, veja aqui como instalar.
cinnamon 2.3
Antes de começar a instalar, saiba que o Cinnamon 2.3 ainda é uma versão em desenvolvimento (e portanto, não é aconselhável usá-la em ambiente de produção), que apenas correções de bugs encontrados nos últimos meses por desenvolvedores e usuários.

Entre os problemas resolvidos estão alguns bugs nas configurações do sistema do ambiente de trabalho e também uma falha no Mini aplicativo Gerenciador de que impedia a exibição da conexão Wi-Fi ativa e de conexões disponíveis. Foram consertados alguns problemas em relação aos menu, janelas pop-up e exibição em HiDPI, além de outras correções que podem ser visualizadas na lista de submissões do Cinnamon, disponível nesta página.

Conheça melhor o ambiente Cinnamon

Para saber mais sobre esse programa, clique nesse link.

Como instalar o Cinnamon 2.3 no Ubuntu e seus derivados

Para instalar o Cinnamon 2.3 no Ubuntu e ainda poder receber automaticamente as futuras atualizações dele, você deve fazer o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal (no Unity use as teclas CTRL + ALT + T);
Passo 2. Se ainda não tiver, adicione o repositório do programa com este comando:

sudo add-apt-repository ppa:gwendal-lebihan-dev/cinnamon-nightly

Passo 3. Atualize o APT com o comando:

sudo apt-get update

Passo 4. Agora use o comando abaixo para instalar o programa;

sudo apt-get install cinnamon

Depois que você instalar o Cinnamon, saia da sessão atual e quando aparecer a tela de login, clique no circulo que fica ao lado do nome de usuário. Na tela que aparece, selecione a opção “Cinnamon”. Depois, entre com seu usuário e senha e depois comece a experimentar o ambiente.

cinnamon 2.3

Via lffl linux freedom

Não está aparecendo algo?

Este post é melhor visualizado acessando direto da fonte. Para isso, clique nesse link.


O que está sendo falado no blog hoje




blog comments powered by Disqus