Como instalar o ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian, Fedora, OpenSUse e derivados

Procurando uma alternativa ao Microsoft Project, mas que seja um software livre? Então conheça e veja como instalar o ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian, Fedora, OpenSUse e derivados


ProjectLibre é um software livre de gerenciamento de projeto, que atualmente, é a principal alternativa de código aberto para o Microsoft Project. Ele é compatível com arquivos do Microsoft Project 2003, 2007 e 2010. Com ele você simplesmente abre esses arquivos no Linux, Mac OS ou Windows e pronto.

Como instalar o ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian, Fedora e derivados

Como instalar o ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian, Fedora e derivados

Segundo a página do programa, o programa já foi adotado em mais de 200 países e por grandes empresas da Fortune 500. Com isso, governos, pequenas empresas e organizações sem fins lucrativos em todo o mundo estão se beneficiando de suas funcionalidades.

Se você quiser fazer a instalação manual do ProjectLibre (usando binários pré compilados para qualquer distribuição), dê uma olhada nesse outro tutorial:
Como instalar o ProjectLibre no Linux manualmente

Conheça melhor o gerenciador de projetos ProjectLibre

Para saber mais sobre esse programa, clique nesse link.

Para ver o programa em ação, assista o vídeo abaixo:

Como instalar o ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian, Fedora, OpenSUse e derivados

Já mostrei como instalar o ProjectLibre manualmente na maioria das distribuições Linux. A seguir, você verá com instalar o gerenciador de projetos ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian, Fedora, OpenSUse e derivados. Mas antes, instale as dependências do programa.

Preparando o sistema para instalar o gerenciador de projetos ProjectLibre no Linux

Um dos pré requisitos para instalar o gerenciador de projetos ProjectLibre no Linux é a instalação do Java mais recente, para isso, veja os tutoriais abaixou ou acesse esse link e siga as instruções dele:
Java no Ubuntu: veja como instalar o OpenJDK 8 nas versões LTS 12.04 e 14.04
Como instalar as versões 6, 7 ou 8 do Oracle Java no Ubuntu
Como instalar o Oracle Java 8 no Debian via repositório
Como instalar Java no Linux manualmente

Como instalar o gerenciador de projetos ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian e derivados

Quem quiser instalar o gerenciador de projetos ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian e outros sistemas que suportam arquivos .deb, deve fazer o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome projectlibre.deb:

wget https://ufpr.dl.sourceforge.net/project/projectlibre/ProjectLibre/1.7/projectlibre-1.7.0-1.deb -O projectlibre.deb

Passo 3. Agora instale o programa com o comando:

sudo dpkg -i projectlibre.deb

Passo 4. Caso seja necessário, instale as dependências do programa com o comando:

sudo apt-get install -f

Passo 5. Depois, se precisar desinstalar o programa, use esse comando:

sudo apt-get remove projectlibre*

Como instalar o gerenciador de projetos ProjectLibre no Linux Fedora, OpenSUse, CentOS e derivados

Quem quiser instalar o gerenciador de projetos ProjectLibre no Linux Fedora, OpenSUse, CentOS e outros sistemas que suportam arquivos .rpm, tem de fazer o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome projectlibre.rpm:

wget https://ufpr.dl.sourceforge.net/project/projectlibre/ProjectLibre/1.7/projectlibre-1.7.0-1.rpm -O projectlibre.rpm

Passo 3. Agora instale o programa com o comando:

sudo rpm -i projectlibre.rpm

Passo 4. Depois, se precisar desinstalar o programa, use esse comando:

sudo rpm -e projectlibre*

Pronto! Agora, quando quiser iniciar o programa, use o atalho dele ou digite programa em um terminal, seguido da tecla TAB.

Ao iniciar o programa pela primeira vez, você precisa concordar com a licença dele:

Como instalar o ProjectLibre no Linux Ubuntu, Debian, Fedora e derivados

O que está sendo falado no blog nos últimos dias




blog comments powered by Disqus