Como instalar a versão mais recente do Opera no Linux

Foi lançada mais uma versão estável e de desenvolvimento do Opera para Linux. Se você quiser instalar o Opera no Linux Ubuntu, Debian, Fedora e sistemas derivados, veja aqui como fazer.


Opera é um popular navegador web, disponível para Linux, Mac OS X e Windows. No ano passado, ele adotou um fork do WebKit engine do Google, e por conta disso, suas novas versões estão sendo baseadas no Chromium.

Como instalar a versão mais recente do Opera no Linux


Veja também


A versão para Linux vem com todos os mesmos recursos do Opera para Windows e Mac, incluindo Speed Dial, o recurso Discover, Opera Turbo, bookmarks (favoritos) e compartilhamento de favoritos, temas, extensões e muito mais.



O aplicativo foi atualizado recentemente, e por isso, esse tutorial está sendo republicado com os links atualizados.

Navegador Opera oferece o novo modo de economia de energia, que oferece duração da bateria até 50% maior e evita o superaquecimento.

Como instalar a versão mais recente do Opera no Linux

Para conseguir isso, ele reduz a atividade das abas em segundo plano e a taxa de quadros, usando por hardware em codecs de vídeo na reprodução de vídeoss, parando animações de temas e até pausando automaticamente plugins não utilizades (incluindo bloqueador de anúncios).

Este recurso pode ser facilmente ativado a partir do canto superior direito da janela do navegador Opera.
Como instalar a versão mais recente do Opera no Linux

Opera também fornece um serviço gratuito de VPN, que quando ativado, o browser cria uma conexão segura com um dos cinco locais de servidores do Opera em todo o mundo. A função VPN usa uma conexão segura 256-bit AES criptografada nas localizações virtuais do recurso (por meio da SurfEasy WiFi Security VPN, subsidiária da Opera) e é um serviço que não requer que o usuário faça login.

Como instalar a versão mais recente do Opera no Linux

Conheça melhor o Opera

Para saber mais sobre esse programa, clique nesse link.

Como instalar a mais recente versão estável do Opera no Linux

Para instalar a mais recente versão estável do Opera no Linux Ubuntu, Debian e derivados, faça o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal (No Unity, use o Dash ou pressionando as teclas CTRL+ALT+T);
Passo 2. Confira se o seu sistema é de 32 bits ou 64 bits, para isso, use o seguinte comando no terminal:

uname -m

Passo 3. Se seu sistema é de 32 bits, use o comando abaixo para baixar o pacote de instalação do programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome opera.deb:

wget http://deb.opera.com/opera/pool/non-free/o/opera-stable/opera-stable_41.0.2353.69_i386.deb -O opera.deb

Passo 4. Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar o pacote de instalação do programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome opera.deb:

wget http://deb.opera.com/opera/pool/non-free/o/opera-stable/opera-stable_41.0.2353.69_amd64.deb -O opera.deb

Passo 5. Agora o programa com o comando abaixo. Será exibida uma tela perguntando se você deseja instalar o repositório do programa para receber as atualizações dele. Escolha a opção que lhe for mais conveniente:

sudo dpkg -i opera.deb

Como instalar a versão mais recente do Opera no Linux

Passo 6. Caso seja necessário, instale as dependências do programa com o comando:

sudo apt-get install -f

Passo 7. Se por algum motivo você precisar, desinstale a versão estável do Opera, usando o comando abaixo;

sudo apt-get remove opera-stable

Como instalar a mais recente versão de desenvolvimento do Opera no Linux Ubuntu

Para instalar a mais recente versão de desenvolvimento do Opera no Linux Ubuntu, Debian e derivados, faça o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal (No Unity, use o Dash ou pressionando as teclas CTRL+ALT+T);
Passo 2. Confira se o seu sistema é de 32 bits ou 64 bits, para isso, use o seguinte comando no terminal:

uname -m

Passo 3. Se seu sistema é de 32 bits, use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome opera.deb:

wget http://get.geo.opera.com/pub/opera-developer/43.0.2420.0/linux/opera-developer_43.0.2420.0_i386.deb -O opera.deb

Passo 4. Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome opera.deb:

wget http://get.geo.opera.com/pub/opera-developer/43.0.2420.0/linux/opera-developer_43.0.2420.0_amd64.deb -O opera.deb

Passo 5. Agora instale o programa com o comando abaixo. Será exibida uma tela perguntando se você deseja instalar o repositório do programa para receber as atualizações dele. Escolha a opção que lhe for mais conveniente:

sudo dpkg -i opera.deb

Como instalar a versão mais recente do Opera no Linux

Passo 6. Caso seja necessário, instale as dependências do programa com o comando:

sudo apt-get install -f

Passo 7. Se precisar, desinstale a versão de desenvolvimento do Opera, usando o comando abaixo;

sudo apt-get remove opera-developer

Como instalar a mais recente versão de desenvolvimento do Opera no Linux Fedora e sistemas derivados

Para instalar a mais recente versão de desenvolvimento do Opera no Linux Fedora e sistemas derivados e ainda poder receber automaticamente as futuras atualizações dele, você deve fazer o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal
Passo 2. Torne-se root com o comando;

su

Passo 3. Confira se o seu sistema é de 32 bits ou 64 bits, para isso, use o seguinte comando no terminal:

uname -m

Passo 4. Se seu sistema é de 32 bits, use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome opera.rpm:

wget http://get.geo.opera.com/pub/opera-developer/43.0.2420.0/linux/opera-developer_43.0.2420.0_i386.rpm -O opera.rpm

Passo 5. Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome opera.rpm:

wget http://get.geo.opera.com/pub/opera-developer/43.0.2420.0/linux/opera-developer_43.0.2420.0_amd64.rpm -O opera.rpm

Passo 6. Para instalar em um Fedora e seus derivados, use o comando abaixo:

sudo yum localinstall opera.rpm

ou

sudo dnf opera.rpm

Passo 7. Para instalar em um openSUSE ou um de seus derivados, use o comando abaixo:

sudo zypper install opera.rpm

Passo 8. Para instalar em um OpenMandriva, Mageia e seus derivados, use o comando abaixo:

sudo urpmi opera.rpm

Passo 9. Se depois você precisar desinstalar o programa em uma distro que usa apenas o RPM, use o comando a seguir;

sudo rpm -e opera*

Depois de instalado, execute o programa digitando no Dash:opera ou em um terminal, seguido da tecla TAB.

Se você teve alguma dificuldade ou sabe de alguma dica relacionada ao assunto acima, escreva um comentário e ajude a melhorar esse texto. E não esqueça de compartilhar também, ok?

O que está sendo falado no blog nos últimos dias


Edivaldo

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande de fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Website: http://www.edivaldobrito.com.br



blog comments powered by Disqus