Como instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux



Saiu mais uma atualização do LibreOffice. Se você está querendo experimentar essa versão do LibreOffice no Linux antes de todos, veja como instalar.


O LibreOffice é uma suíte de escritório livre compatível com os principais pacotes de escritório do mercado.

Como instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux

O pacote oferece todas as funções esperadas de uma suíte profissional: editor de textos, planilha, apresentação, editor de desenhos e banco de dados.

Desenvolvido pela The Document Foundation, ele é bem mais que isso, o LibreOffice é uma das mais populares suíte de escritório multiplataforma e de código aberto.

Entre os recursos encontrados nessa versão, estão o suporte a Emoji e substituição em palavras, melhores recursos de recorte de , realce de texto compatível com o word, melhorias para o formato DOC e melhorias no gerenciamento de tabelas.

Para completar, também há várias melhorias no formato OOXML, suporte a arrastar e soltar de imagens, previews de estilo na barra lateral, a falta estilo de parágrafo em notas de rodapé para documentos DOCX foi corrigido e também foram implementados algumas correções de OpenGL.

Como instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux

O aplicativo foi atualizado recentemente e por isso, esse tutorial está sendo republicado com os links atualizados.

Conheça melhor o pacote office LibreOffice

Para saber mais sobre o programa, clique nesse link

Novidades da versão mais recente do LibreOffice

Este release é apenas uma atualização da série LibreOffice 5.3.x, que estreou no início deste ano, com a opção de interface Ribbon, e como tal, não há quaisquer novos recursos principais para se entusiasmar.

Apesar disso, há algumas novidades menores. Por exemplo, o conjunto de monocromáticos Sifr continua a evoluir bem, e pega uma lista de novos para esta versão; As barras de rolagem nos desktops GTK3 agora parecem mais estreitas; E, se você estiver fazendo uso do recurso, a autenticação de dois fatores do Google Drive deve estar funcionando novamente.

Há também várias correções para a interoperabilidade com documentos do Microsoft Office (como, muitos deles), além de uma longa lista de correções de bugs e ajudas de banda para outras falhas e erros diversos.

Para ver o que há de novo no LibreOffice, acesse a nota de lançamento ou nas versão em português das link.

Para saber mais sobre a instalação do LibreOffice no Linux, clique nesse outro Notas da versão.

Como instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux

Descubra como usar o LibreOffice

Para aprender a usar o LibreOffice, baixe a Apostila Modular de LibreOffice (obrigado Morvan), clicando nesse link.

Este documento é utilizado na Escola de Gestão Pública do Ceará e já traz as mudanças de Interface do Usuário e os novos recursos introduzidos a partir da versão 5.1.x.

Como instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux

A seguir, você verá como instalar a versão a próxima versão do LibreOffice no Linux, mais especificamente em distribuições baseadas em pacotes RPM (como Fedora, CentOS, OpenSUSE, Mageia, OpenMandriva e seus derivados) e DEB (como , Ubuntu e sistemas derivados destes).

Como instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux Fedora, CentOS, OpenSUSE, Mageia, OpenMandriva e seus derivados

Para instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux Fedora, CentOS, OpenSUSE, Mageia, OpenMandriva e sistemas derivados, faça o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Se o programa já estiver instalado no seu , remova-o usando o gerenciador de pacotes da sua disto;
Passo 3. Confira se o seu sistema é de 32 bits ou 64 bits, para isso, use o seguinte comando no terminal:

uname -m

Passo 4. Se seu sistema é de 32 bits, use o comando abaixo para baixar. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome libreOffice.tar.gz e libreOffice-pt-br.tar.gz:

wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/5.3.4/rpm/x86/LibreOffice_5.3.4_Linux_x86_rpm.tar.gz -O libeoffice.tar.gz
wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/5.3.4/rpm/x86/LibreOffice_5.3.4_Linux_x86_rpm_langpack_pt-BR.tar.gz -O libreOffice-pt-br.tar.gz

Passo 5. Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome libreOffice.tar.gz e libreOffice-pt-br.tar.gz:

wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/5.3.4/rpm/x86_64/LibreOffice_5.3.4_Linux_x86-64_rpm.tar.gz -O libreOffice.tar.gz
wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/5.3.4/rpm/x86_64/LibreOffice_5.3.4_Linux_x86-64_rpm_langpack_pt-BR.tar.gz -O libreOffice-pt-br.tar.gz

Passo 6. Descompacte os arquivos baixados com o comando:

tar -vzxf libreOffice.tar.gz
tar -vzxf libreOffice-pt-br.tar.gz

Passo 7. Vá para a pasta criada e depois para a pasta onde fica o arquivo de instalação, com os comandos abaixo:

cd LibreOffice_*
cd RPMS

Passo 8. Agora instale o programa, usando esse comando:

sudo rpm -i *.rpm

Passo 9. Vá para a pasta criada pelo pacote de linguagem e depois para a pasta onde fica o arquivo de instalação, com os comandos abaixo:

cd 
cd LibreOffice*langpack_pt-BR/
cd RPMS

Passo 10. Agora instale os pacotes de linguagem, usando esse comando:

sudo rpm -i *.rpm

Passo 11. Se depois você precisar desinstalar o programa no Fedora ou CentOS ou outro derivado deles, use o comando abaixo;

sudo yum remove libreoffice*

Passo 12. Se depois você precisar desinstalar o programa no OpenSUSE ou um derivado dele, use o comando abaixo;

sudo zypper remove libreoffice*

Passo 13. Se depois você precisar desinstalar o programa no Mageia ou OpenMandriva ou qualquer derivado deles, use o comando a seguir;

sudo urpme libreoffice*

Como instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux Debian, Ubuntu e seus derivados

Para instalar ou atualizar a versão mais recente do LibreOffice no Linux Debian, Ubuntu e seus derivados, usando os DEBs oficiais, faça o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal (Usando o Dash ou pressionando as teclas CTRL+ALT+T);
Passo 2. Se o programa já estiver instalado no seu sistema, execute o comando a seguir para remover a instalação anterior:

sudo apt-get remove --purge libreoffice*

Passo 3. Confira se o seu sistema é de 32 bits ou 64 bits, para isso, use o seguinte comando no terminal:

uname -m

Passo 4. Se seu sistema é de 32 bits, use o comando abaixo para baixar. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome libreOffice.tar.gz e libreOffice-pt-br.tar.gz:

wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/5.3.4/deb/x86/LibreOffice_5.3.4_Linux_x86_deb.tar.gz -O libreOffice.tar.gz
wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/5.3.4/deb/x86/LibreOffice_5.3.4_Linux_x86_deb_langpack_pt-BR.tar.gz -O libreOffice-pt-br.tar.gz

Passo 5. Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome libreOffice.tar.gz e libreOffice-pt-br.tar.gz:

wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/5.3.4/deb/x86_64/LibreOffice_5.3.4_Linux_x86-64_deb.tar.gz -O libreOffice.tar.gz
wget http://tdf.c3sl.ufpr.br/libreoffice/stable/5.3.4/deb/x86_64/LibreOffice_5.3.4_Linux_x86-64_deb_langpack_pt-BR.tar.gz -O libreOffice-pt-br.tar.gz

Passo 6. Descompacte os arquivos baixados com o comando:

tar -vzxf libreOffice.tar.gz
tar -vzxf libreOffice-pt-br.tar.gz

Passo 7. Vá para a pasta criada e depois para a pasta onde fica o arquivo de instalação, com os comandos abaixo:

cd LibreOffice_*
cd DEBS

Passo 8. Agora instale o programa, usando esse comando:

sudo dpkg -i *.deb

Passo 9. Vá para a pasta criada pelo pacote de linguagem e depois para a pasta onde fica o arquivo de instalação, com os comandos abaixo:

cd 
cd LibreOffice*langpack_pt-BR/
cd DEBS

Passo 10. Agora instale os pacotes de linguagem, usando esse comando:

sudo dpkg -i *.deb

Passo 11. Se depois você precisar desinstalar o programa, use o comando abaixo;

sudo apt-get remove libreoffice*

Como instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux Ubuntu e seus derivados

Agora se você estiver usando o Ubuntu ou um de seus derivados, existe um repositório que permite obter a versão mais recente do LibreOffice nesse sistema de um jeito bem fácil e rápido, como será mostrado a seguir.
Para instalar a versão mais recente do LibreOffice no Linux Ubuntu e ainda poder receber automaticamente as futuras atualizações dele, você deve fazer o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal (no Unity use as teclas CTRL + ALT + T);
Passo 2. Se ainda não tiver, adicione o repositório do programa com este comando:

sudo add-apt-repository -y ppa:libreoffice/ppa

Passo 3. Atualize o gerenciador de pacotes com o comando:

sudo apt-get update

Passo 4. Agora use o comando abaixo para instalar o programa;

sudo apt-get install libreoffice libreoffice-style-breeze

Passo 5. Caso seja necessário, desinstale o programa, usando os comandos abaixo;

sudo apt-get remove libreoffice
sudo apt-get autoremove

Como instalar a versão mais recente do LibreOffice Ubuntu e distros com suporte a Snap

Para instalar a versão mais recente do LibreOffice Ubuntu e distros com suporte a Snap, você deve fazer o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal (no Unity use as teclas CTRL + ALT + T);
Passo 2. Se for essa for a primeira vez que instala um aplicativo usando o pacote SNAP, antes você pode precisa instalar o snapd com esse comando;
Passo 2. Para que o comando “snap” funcione, você precisa do pacote “snapd”. Em versões recentes do Ubuntu (como 16.04 e 16.10 ou 17.04), este ele já deve estar instalado por padrão. Para o Ubuntu 14.04, você precisa instalar o snapd com esse comando;

sudo apt install snapd

Passo 3. Instale a versão mais recente do xx no Ubuntu via SNAP, usando esse comando:

sudo snap install libreoffice

Passo 4. Mais tarde, se você precisar atualizar o snap xx, use:

sudo snap refresh libreoffice

Passo 5. Depois, se for necessário, desinstale o programa, usando o comando abaixo;

sudo snap remove libreoffice

Pronto! Agora, quando quiser iniciar o LibreOffice no Linux, digite libreoffice em um terminal, seguido da tecla TAB.

Mais sobre suítes office no Linux

O que está sendo falado no blog nos últimos dias


Edivaldo

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande de fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Website: http://www.edivaldobrito.com.br/author/edivaldo/



blog comments powered by Disqus