Linux Mint 17.1 Rebecca já está disponível para download

A equipe do Linux Mint lançou oficialmente nesse sábado (29), a versão final do Linux Mint . Conheça mais um pouco sobre essa distro e descubra onde baixar.
linux mint 17.1
Como de costume, o Linux Mint 17.1 Rebecca está disponível em duas edições principais: MATE e Cinnamon.

Na versão Cinnamon, a novidade é que ele está atualizado para a atual versão estável 2.4. Já na versão com o ambiente de desktop Mate, além de várias correções e melhorias, a principal novidade é que ele vem com o gerenciador de janelas Compiz, incluindo muitos efeitos e diversas animações.


Veja também


Com Linux Mint 17.1, a parte visual recebeu algumas melhorias interessantes. Por exemplo, o Linux Mint 17.1 usa as fontes Noto por padrão – a razão por trás dessa mudança, além dela dar uma boa aparência, é que elas fornecem um melhor suporte para alguns idiomas. Além disso, o tema Linux Mint padrão, Mint-X (tanto o ícone e temas GTK), está agora disponível em várias cores como azul, vermelho, cinza, roxo, rosa, amarelo e muitos mais.
linuxmint171matethemes
No Linux Mint 17.1, o Gerenciador de Atualização recebeu um par de melhorias muito interessantes. O aplicativo agora agrupa pacotes de acordo com seu pacote de origem. Por exemplo, na imagem abaixo você verá apenas uma entrada no Gerenciador de Atualização para o LibreOffice, que contém 21 pacotes:
linuxmint171updatemanager
A seção kernels Linux foi redesenhada e agora exibe correções de segurança conhecidas e regressões:
linuxmint171updatemanager-linux-kernels
Outra mudança, que não é idêntica porque Cinnamon e MATE usam gerenciadores de arquivos diferentes, é a adição de duas novas extensões para Nemo/Caja, que acrescentam suporte a emblemas e a capacidade de alterar as cores das pastas individuais.
linuxmint171cajafoldercolor



linuxmint171nemo-emblems
No Linux Mint 17.1, o módulo de Definições de idioma foi redesenhado e agora existem duas configurações para seleções de localidade: Idioma e Região e também, foi adicionado suporte métodos de entrada, úteis para aqueles que querem escrever em japonês, vietnamita, chinês, coreano e outras línguas desse tipo:
linuxmint171language-settings
Essa versão é o primeiro lançamento que não segue o desenvolvimento do Ubuntu, sendo baseada no Ubuntu LTS 14.04, e portanto, é um lançamento de suporte de longo prazo que será suportado até 2019.

Conheça melhor a distribuição Linux Mint

Para saber mais sobre a distribuição Linux Mint, clique nesse link.
Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse a nota de lançamento da edição Cinnamon e MATE.

Notas sobre a atualização para o Linux Mint 17.1 Rebecca

  • Usuários que instalaram o Linux Mint 17.1 RC pode obter a versão final, basta instalar as atualizações disponíveis no Gerenciador de Atualização;
  • Atualizando a partir do Linux Mint 17-17.1 será possível em poucos dias, através do Gerenciador de Atualização;
  • Versões do Linux Mint superiores ao 17 não podem ser atualizadas para o Linux Mint 17.

Baixe e experimente o Linux Mint 17.1 Rebecca

As imagens do Linux Mint 17.1 Rebecca já podem ser baixadas acessando o link abaixo:
Linux Mint 17.1
Ou baixe diretamente, a partir desses links:
MATE: 32-bit | 64-bit
Cinnamon : 32-bit | 64-bit

Como gravar a imagem ISO no Linux

Quem precisar gravar a imagem ISO após o , pode usar esses tutoriais que já foram publicados no blog:
Como gravar uma imagem ISO no Ubuntu

Para ver um pouco mais, assista o vídeo abaixo:

Via WebUpd8

Não está aparecendo algo?

Este post é melhor visualizado acessando direto da fonte. Para isso, clique nesse link.


O que está sendo falado no blog hoje


Edivaldo

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande de fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Website: http://www.edivaldobrito.com.br



blog comments powered by Disqus