Nintendo Switch foi hackeado para executar o Linux

Confira os detalhes o impactante anúncio de que o Nintendo Switch foi hackeado, feito por um grupo de hackers.

É isso mesmo, o Nintendo Switch foi hackeado para executar o Linux. Confira os detalhes desse impactante anúncio feito por um grupo de hackers.


O grupo Hacker fail0verflow descobriu uma vulnerabilidade no Nintendo Switch que permite a instalação do Linux, basicamente abrindo a porta para algo que a empresa que criou o equipamento esperava que nunca se tornasse realidade: jogos piratas.
Nintendo Switch foi hackeado para executar o Linux
Nintendo Switch foi hackeado para executar o Linux

Em uma publicação no Twitter, o fail0verflow revelou que o Nintendo Switch vem com um bug que não pode ser corrigido com atualizações de firmware e que pode ser usado a qualquer momento para instalar o Linux.

Nintendo Switch foi hackeado para executar o Linux

A foto incluída no tweet mostra o Switch executando o Debian e o grupo de hacking diz que o exploit foi direcionado a um bug na ROM de inicialização, sugerindo que as correções via software não são possíveis.

Isso significa que se a Nintendo quiser bloquear esse hack, a única maneira de fazê-lo pode ser trabalhar com a NVIDIA em novos chips Tegra X1 sem a vulnerabilidade, embora a empresa possa encontrar outras formas de mitigar o problema.

Claro, é praticamente certo que a Nintendo já esteja trabalhando em um arsenal de métodos que seriam utilizados para desencorajar os usuários de usarem esse caminho.

Em primeiro lugar, se encontrar uma maneira de determinar quais consoles estão pirateados, a Nintendo poderia banir esses usuários do jogo online, executando uma série de verificações antes de cada dispositivo se conectar aos seus servidores.

Então, embora esse bug não possa ser totalmente corrigido, a empresa também pode lançar novas atualizações de firmware para contorná-lo, além de outros métodos para reduzir o impacto que ele causa.

Neste ponto, no entanto, a Nintendo não comentou esse hack, e as opiniões da comunidade de fãs ainda estão polarizadas sobre se esta é uma descoberta útil ou não.

À primeira vista, o principal benefício de hackear um Nintendo Switch é a possibilidade de instalar aplicativos homebrew e jogos piratas. Obviamente que esse uso depende muito de quem utilizará o aparelho.

Enquanto alguns pensam que modificar um console e procurar pirataria de software pode ser uma coisa excitante a fazer, outros acreditam que não há motivo para se preocupar porque a maioria dos compradores ainda utilizariam maneiras legítimas de rodar jogos no Switch de qualquer maneira.

Saiba mais anúncio de que o Nintendo Switch foi hackeado para executar o Linux

Para saber mais sobre esse anúncio, clique nesse link.

O que está sendo falado no blog nos últimos dias




blog comments powered by Disqus