Reprodutor de música: Instale Pragha Music Player no Ubuntu

Se você procura um reprodutor de música leve e bem integrado, o Pragha pode ser a resposta. Conheça um pouco mais sobre ele e veja como instalar no Ubuntu.
reprodutor de música
Pragha é um leitor de música leve para GNU/Linux, baseado em Gtk, SQLite, e completamente escrito em C, construído para ser rápido, leve, e ao mesmo tempo tentar ser completo, sem obstruir o trabalho diário.

Características do Pragha:

  • Tem integração completa com GTK+ 3, mas é completamente independente do Gnome e Xfce;
  • Dois painéis com design inspirado no Amarok 1.4: Biblioteca e a lista de reprodução;
  • Biblioteca com vários modos de exibição, de acordo com tags ou estrutura de pastas;
  • Busca, filtragem e fila de músicas na playlist atual;
  • Reproduz e edita tag de mp3, m4a, ogg, flac, asf, wma e arquivos ape. Limitada apenas pelos codecs instalados e pela versão da taglib usada;
  • Gerenciamento de lista de reprodução. Exporta M3U e lê listas de reprodução M3U, PLS, XSPF e WAX;
  • Reproduz CDs de áudio e identifica usando CDDB;
  • Controle de reprodução com linha de comando e MPRIS2;
  • Notificações desktop nativas com libnotify.

Conheça melhor o reprodutor de música Pragha

Para saber mais sobre esse programa, clique nesse link.

Como instalar o reprodutor de música Pragha no Ubuntu e seus derivados

Para instalar o reprodutor de música Pragha no Ubuntu e ainda poder receber automaticamente as futuras atualizações dele, você deve fazer o seguinte:
Passo 1. Abra um terminal (no Unity use as teclas CTRL + ALT + T);
Passo 2. Se ainda não tiver, adicione o repositório do programa com este comando:

sudo add-apt-repository ppa:ubuntuhandbook1/apps

Passo 3. Atualize o APT com o comando:

sudo apt-get update

Passo 4. Agora use o comando abaixo para instalar o programa;

sudo apt-get install pragha

Uma vez instalado, inicie o programa digitando no Dash:pragha

Via UbuntuHandbook

Não está aparecendo algo?

Este post é melhor visualizado acessando direto da fonte. Para isso, clique nesse link.


O que está sendo falado no blog hoje




blog comments powered by Disqus