Ubuntu 13.10 Saucy Salamander está mudando para Mir Display Server

Os desenvolvedores do Ubuntu anunciaram nessa quinta-feira (27) que pretendem colocar o servidor de exibição por padrão no Ubuntu ( ) com o , uma implementação do X rodando Mir.

mir


Veja também


Quando o sistema for lançado o Unity 8 (também conhecido como Unity Next), não estará disponível por padrão, e em vez disso, o Ubuntu 13.10 usará Unity 7, a base de código que já está em desenvolvimento.
O anúncio diz que o XMir será usado somente drivers de gráficos de código aberto (Intel, Nouveau e Radeon). Drivers gráficos proprietários(Nvidia, ATI) não suportam Mir ainda e os computadores que usam esses drivers irão usar uma sessão fallback do servidor X regular. No futuro, Mir deverá ter suporte a drivers proprietários que a sessão fallback do servidor X regular seja removida no Ubuntu 14.04.



Com XMir sendo usado por padrão no Ubuntu 13.10 e, portanto, utilizado por um grande número de usuários, os desenvolvedores esperam “compreender melhor as necessidades dos usuários, corrigir e resolver problemas de caso de borda, e no geral, trabalharem no Mir e XMir para torná-los muito mais rápido no longo caminho para as próximas versões LTS do Ubuntu”

Olli Ries, diretor de engenharia Canonical para Unity e Mir, publicou um roteiro da transição do Ubuntu para o Mir, na Ubuntu devel mailing list:

  •     Ubuntu 13.10: XMir na Mir por padrão, com uma sessão de fallback para X onde não há nenhum suporte de driver de Mir, com suporte para 9 meses;
  •     Ubuntu 14.04 LTS: XMir como padrão com a sessão fallback removida, completo suporte de driver de Mir, tradicionais LTS suporte para 5 anos;
  •     Ubuntu 14.10 e versões posteriores: pilha Mir como padrão, incluindo suporte X sem raízes para aplicações X legadas, suportado por 9 meses.

Ele também acrescenta que o XMir estará usando Unity 7 (então basicamente, Unity 7 não será usado apenas para o Ubuntu 13.10, mas também para Ubuntu 14.04), enquanto o Ubuntu 14.10 e versões posteriores, usarão Mir em conjunto com o Unity 8 como shell de sessão.

A mensagem diz ainda que “A Canonical está empenhada em apoiar o XMir por 5 anos durante o ciclo de vida 14.04, o que dará aos derivados do Ubuntu (Xubuntu, Kubuntu e etc), tempo suficiente para avaliar a paisagem de pilha de gráficos e tomar decisões necessárias, quando eles estiverem prontos.
O anúncio de hoje refere-se estritamente ao Mir sendo feito para o Ubuntu Desktop padrão- o sabor principal do Ubuntu. Não há nenhuma notícia sobre os outros sabores de Ubuntu, exceto o Kubuntu, que não mudará para Mir.
Abaixo, você pode assistir a um vídeo demos Unidade 7, GNOME 3, KDE, Xfce e LXDE rodando em XMir:

Edivaldo

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande de fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Website: http://www.edivaldobrito.com.br



blog comments powered by Disqus