Canonical continua investindo no Flutter, o Toolkit do Google

Mas do que apenas adotar a ferramenta, a Canonical continua investindo no Flutter UI Toolkit do Google, de acordo com uma postagem no blog do Ubuntu.

Recentemente, a Canonical, fabricante do Ubuntu, se comprometeu a usar o kit de ferramentas de interface de usuário Flutter do Google como sua “escolha padrão” para seus aplicativos móveis e de desktop no futuro.

Agora, foi publicada uma postagem no blog do Ubuntu detalhando ainda mais seus interesses no Flutter.

Canonical continua investindo no Flutter, o Toolkit do Google

Canonical continua investindo no Flutter, o Toolkit do Google

A Canonical tem trabalhado com o Google no porte Flutter Linux, o kit de ferramentas que visa fornecer suporte multi-plataforma a partir de uma única base de código e construído a partir da plataforma Dart. A Canonical tem criado o Flutter para garantir que funcione bem nos sistemas Ubuntu, inclusive com o uso do pacote Snap. A Canonical também está usando o Flutter para seu novo instalador de desktop, enquanto recentemente se comprometeu a usar o Flutter também para seus aplicativos futuros.

Rhys Davies reafirmou que a Canonical continua investindo no Flutter, dizendo que::

“Estamos garantindo que o Flutter seja uma experiência de primeira classe e permaneça no topo da nossa lista de plataformas para consideração ao projetar futuros aplicativos móveis e de desktop.”

Eles estão encorajando o uso do Flutter para maior compatibilidade de plataforma cruzada, a equipe de desktop do Ubuntu trabalhando para garantir que os aplicativos Flutter se integrem bem e que seja um cidadão de primeira classe para Snaps e no Snapcraft.

Quanto às razões expressas para as ambições do Flutter no Ubuntu…

“O Flutter é uma ferramenta verdadeiramente multiplataforma e de código aberto. Se o ecossistema Linux em geral pegar isso, há uma tremenda oportunidade para uma expansão massiva do ecossistema. A grande maioria dos O codebase é escrito em código Dart (usando apenas pacotes Dart) e funciona sem modificações necessárias em todas as plataformas. E desde o anúncio em julho do ano passado, o número de plug-ins está aumentando lenta mas seguramente para o Linux. Desenvolvimento de plataforma cruzada não significa apenas que os desenvolvedores Linux podem escrever aplicativos para outras plataformas, significa que os desenvolvedores Flutter para qualquer outra plataforma podem contribuir com seus aplicativos para o Linux e expandir o ecossistema de aplicativos Linux indefinidamente. “

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile