Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Como instalar o KDiskMark no Linux Ubuntu, Fedora, openSUSE e derivados

Se você quer fazer o benchmarking dos discos do seu PC, conheça e veja como instalar o KDiskMark no Linux Ubuntu, Fedora, openSUSE e derivados.

KDiskMark é uma alternativa gratuita e de código aberto ao CrystalDiskMark (que é somente Windows) para Linux, um software de benchmarking de GUI HDD/SSD.

O KDiskMark vem com uma interface de usuário simples, muito semelhante à usada pelo CrystalDiskMark, com predefinições. Por baixo do capô, ele usa FIO (Testador de E/S flexível) e possui tamanho de bloco configurável, filas e contagem de threads para cada teste.

O aplicativo também pode gerar relatórios de benchmark (Arquivo -> Salvar) que você pode usar para compartilhar facilmente os resultados de benchmark com outras pessoas e para futuras comparações.

Apesar do nome (começando com K), este aplicativo Qt5 não possui dependências específicas do KDE, portanto, você pode instalá-lo independentemente do ambiente de trabalho que estiver usando, sem ter que instalar um grande número de dependências.

Como instalar o KDiskMark no Linux Ubuntu, Debian e derivados

Como instalar o KDiskMark no Linux Ubuntu, Fedora, openSUSE e derivados
Como instalar o KDiskMark no Linux Ubuntu, Fedora, openSUSE e derivados

Para instalar o KDiskMark no Linux Ubuntu, Debian e derivados, use um dos procedimentos abaixo.

Como instalar o KDiskMark no Linux Ubuntu, Debian e derivados

Quem quiser instalar o KDiskMark no Linux Ubuntu, Debian e outros sistemas que suportam arquivos .deb, deve fazer o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Confira se o seu sistema é de 32 bits ou 64 bits, para isso, use o seguinte comando no terminal:

uname -m

Passo 3. Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome kdiskmark.deb:

wget https://github.com/JonMagon/KDiskMark/releases/download/2.0.0/kdiskmark_2.0.0_amd64.deb -O kdiskmark.deb

Passo 4. Agora instale o programa com os comandos abaixo:

sudo dpkg -i kdiskmark.deb
sudo apt-get install -f

Passo 5. Se preferir, use o comando abaixo para instalar o programa;

sudo apt install ./kdiskmark.deb

Passo 6. Depois, se precisar desinstalar o programa, use esse comando:

sudo apt-get remove kdiskmark*

Como instalar o KDiskMark no Linux Fedora, OpenSUse, CentOS e derivados

Quem quiser instalar o KDiskMark no Linux Fedora, OpenSUse, CentOS e outros sistemas que suportam arquivos .rpm, tem de fazer o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Confira se o seu sistema é de 32 bits ou 64 bits, para isso, use o seguinte comando no terminal:

uname -m

Passo 3. Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome kdiskmark.rpm:

wget https://github.com/JonMagon/KDiskMark/releases/download/2.0.0/kdiskmark-2.0.0-1.x86_64.rpm -O kdiskmark.rpm

Passo 4. Para instalar em um openSUSE ou um de seus derivados, use o comando abaixo:

sudo zypper install kdiskmark.rpm

Passo 5. Para instalar em um Fedora, RedHat e seus derivados, use o comando abaixo:

sudo yum localinstall kdiskmark.rpm

ou

sudo dnf install kdiskmark.rpm

Passo 6. Para instalar o programa na maioria das distro com suporte a arquivos RPM, use o comando:

sudo rpm -i kdiskmark.rpm

Passo 7. Depois, se precisar desinstalar o programa, use esse comando:

sudo rpm -e kdiskmark*

Pronto! Agora, quando quiser iniciar o programa, digite kdiskmark em um terminal (seguido da tecla TAB), ou clicando no ícone dele ou menu de aplicativos do sistema.

Quando você executa o aplicativo pela primeira vez, notará uma interface semelhante ao CrystalDiskMark, com 4 testes de benchmarking de disco, cada um com colunas de leitura e gravação.

Para começar, selecione o disco no menu suspenso superior (o padrão é o disco que contém seu diretório inicial) e clique em Todos para realizar todos os testes disponíveis. Você também pode clicar em um teste específico no lado esquerdo, para realizar apenas esse teste (por exemplo, clique em SEQ1MQ8T1).

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.