Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 11 – BlackBox

O Linux tem diversas opções de ambientes gráficos e como o Ubuntu é um Linux, isso não é diferente para ele. Uma prova disso é que já falamos de dez deles e ainda tem muitos outros. Hoje veremos mais um ambiente leve e interessante que pode substituir o ambiente principal do Ubuntu, caso você não esteja satisfeito com ele.  Mas, mesmo que você esteja satisfeito, que tal apenas experimentar?

5441

Leia o artigo completoNão desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 11 – BlackBox

Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 10 – WindowMaker

A partir desse capítulo da nossa série “Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface”, iremos experimentar ambientes gráficos mais antigos, leves e bem diferentes. Na verdade, isso comecou no apítulo anterior com o E17. A escolha de hoje é um ambiente com um estilo bem diferente do que se está acostumado, com um toque de NEXTSTEP  e influência de um brasileiro.

wmaker

Leia o artigo completoNão desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 10 – WindowMaker

Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 9 – E17

Hoje iremos experimentar um ambiente gráfico das antigas que era (e dependendo do usuário, ainda é) muito cultuado, por ser bonito, ter uma interface diferente dos desktops tradicionais e ser bem leve para os computadores atuais. O Mais interessante dele é que nos primórdios de sua existência, ele era considerado um ambiente gráfico pesado.

e17

Leia o artigo completoNão desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 9 – E17