Ubuntu Touch OTA-17 terá suporte inicial para NFC e outras melhorias

Prestes a ser lançado no dia 12 de maio, o Ubuntu Touch OTA-17 terá suporte inicial para NFC e outras melhorias. Confira os detalhes desse update.

Ubuntu Phone (Ubuntu Mobile OS ou Ubuntu Touch) é um sistema operacional para tablets e smartphones baseado no kernel do Linux, desenvolvido inicialmente pela Canonical.

Infelizmente, não muito tempo depois, a empresa anunciou que iria abandonar o desenvolvimento do sistema, e o pessoal do UBports se comprometeu em dar continuidade ao projeto.

Por conta disso, o projeto está continuamente desenvolvendo e liberando atualizações do sistema. Algo importante e que demostra bem o espirito colaborativo de um projeto comunitário de software livre.

Agora, a equipe UBPorts está pronta para lançar a próxima atualização do Ubuntu Touch em 12 de maio.

Ubuntu Touch OTA-17 terá suporte inicial para NFC e outras melhorias – Confira as novidades

Ubuntu Touch OTA-17 terá suporte inicial para NFC e outras melhorias

Embora o Ubuntu Touch OTA-17 não tenha tantas mudanças voltadas para o usuário como algumas compilações anteriores do sistema operacional, ainda existem algumas novidades, especialmente para pessoas com alguns dispositivos específicos.

Ubuntu Touch OTA-17 é a primeira versão a oferecer suporte a hardware NFC. O recurso só funciona em determinados dispositivos, incluindo o Google Pixel 3a e o Volla Phone, mas deve permitir que os desenvolvedores criem aplicativos Ubuntu Touch que usam NFC para ler ou gravar tags NFC ou se comunicar com outro hardware habilitado para NFC, como fones de ouvido sem fio.

Outras mudanças que virão no Ubuntu Touch OTA-17 incluem:

  • Atualizações do servidor de exibição Mir da versão 1.2.0 para 1.8.1
  • Maior autonomia da bateria e capacidade de resposta às notificações para o Pixel 3a
  • O brilho automático da tela funciona no Volla Phone
  • Flash, zoom, rotação e foco da câmera fixos no OnePlus One, Sony Xperia X e outros dispositivos
  • Layout de teclado macedônio
  • Correção de bug que permite que a previsão de palavras funcione em suíço-francês e inglês (teclados Dvorak)

A equipe do UBPorts afirma que, embora esta versão possa parecer bastante leve em novos recursos, é porque os desenvolvedores estão trabalhando nos bastidores em algo muito maior – migrar a base do Ubuntu Touch do Ubuntu 16.04 LTS para o Ubuntu 20.04 LTS.

Por enquanto, o UBPorts está procurando testadores beta para ajudar a chutar o pneu do OTA-17 antes do lançamento da próxima semana. Você pode encontrar informações sobre como baixar uma versão de candidato a lançamento e como deixar comentários no blog do UBPorts.

Lembre-se de que, se ainda não estiver executando o Ubuntu Touch em seu telefone ou tablet, você precisará de uma das várias dezenas de dispositivos compatíveis para instalá-lo (a menos que você queira tentar transferi-lo para um novo dispositivo).

Você pode encontrar mais detalhes no anúncio de lançamento do Ubuntu Touch OTA-17 e no changelog.

Uma lista de dispositivos suportados e opções de download pode ser encontrada na página Dispositivos do projeto.

Como instalar

Quando for lançado, os usuários existentes do Ubuntu Touch no canal ‘stable’ (que é selecionado por padrão no UBports Installer) receberão a atualização OTA-17 através da tela Updates de System Settings.

Os dispositivos receberão a atualização aleatoriamente. Essa propagação é para nos dar tempo de interromper uma atualização ruim no futuro (caso isso se torne necessário), não para acomodar quaisquer restrições de largura de banda.

Se desejar receber a atualização imediatamente, ative o acesso ADB e emita o seguinte comando sobre ‘adb shell’:
sudo system-image-cli -v -p 0 --progress dots
Seu dispositivo irá baixar a atualização e instalá-la. Este processo pode demorar um pouco, dependendo da velocidade de download.

Já os novos usuários do Ubuntu Touch encontrarão instruções para instalar o Ubuntu Touch em seu dispositivo em devices.ubuntu-touch.io.

Novos usuários podem usar o instalador UBPorts Ubuntu Touch com dispositivos compatíveis. Observe que, embora o PinePhone e o PineTab sejam oficialmente compatíveis, eles são atualizados independentemente de outros dispositivos e não receberão uma única atualização chamada OTA-16. Mas eles devem obter atualizações de canal estáveis, incluindo muitos dos mesmos recursos em algum ponto.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile