Ganhe segurança e economia instalando o Totvs Protheus no Linux

Quem conhece meu blog a muito tempo sabe que defendo a instalação do ERP Totvs em servidores Linux. Inclusive já cheguei a publicar tutoriais ensinando a fazer o procedimento por causa do fraco suporte dado pela Totvs ao sistema operacional e ao PostgreSQL. Tenho essa preferencia porque ela traz mais , e para o ERP.totvsappserver

A questão da segurança é consequência do controle de acesso do Linux e também da robustez dos sistemas de arquivos que podem ser usados nesse sistema operacional. Para completar, o sistema é imune a grande maioria de pragas digitais (vírus e outros tipos de ameaças) que tanto contaminam o Windows. Imagine o servidor do ERP da sua empresa sendo parado por causa de uma infecção, para ser descontaminado e você irá concordar com essa preocupação. Nem mesmo com um ótimo sistema de proteção afasta o perigo desse cenário se tornar realidade em um servidor Windows.


Veja também


Já no quesito estabilidade, o Linux se destaca a muitos anos e isso ocorre por causa da maturidade do núcleo desse sistema. Também é preciso lembrar que o Linux é um sistema que segue o padrão Unix, que tem décadas de experiência acumulada, sendo a estabilidade um item praticamente obrigatório e básico. Consequentemente, tudo isso gera economia para quem usa o Linux e nos leva a concluir que a economia de licenças (o Linux pode ser instalado sem custos) é a menor delas.



Esses são meus argumentos, mas eles não são absolutos. Na hora de escolher uma solução ainda é mais importante atender as necessidades do cliente e em alguns casos, ele não pode optar pelo Linux ou não quer usar o sistema. Nessa situação, vale insistir no que é melhor para o cliente e atendê-lo plenamente.

Edivaldo

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande de fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Website: http://www.edivaldobrito.com.br



blog comments powered by Disqus