GrayKey, um dispositivo que pode hackear qualquer modelo de iPhone

Confira mais informações sobre o inusitado aparelho chamado GrayKey, que pode hackear qualquer modelo de iPhone!

Se você é um usuário de iPhone e se preocupa com a segurança de seus dados, cuidado, pois existe um dispositivo chamado GrayKey, que pode hackear qualquer modelo de iPhone. Confira mais informações sobre esse inusitado aparelho.


Os gadgets da Apple estão entre os computadores mais difíceis de quebrar a segurança. Agora, Uma empresa chamada Grayshift desenvolveu um dispositivo que pode hackear qualquer modelo de iPhone no mercado, incluindo o iPhone X.
GrayKey, um dispositivo que pode hackear qualquer modelo de iPhone
GrayKey, um dispositivo que pode hackear qualquer modelo de iPhone

E recentemente, essa empresa confirmou que está vendendo o aparelho para órgãos de aplicação da lei, a partir de U$$ 15.000 (cerca de R$ 49.200). Sim, dada a sua funcionalidade e preço, esse é um dispositivo voltado para um nicho especifico e legalmente autorizado a usá-lo.

GrayKey, um dispositivo que pode hackear qualquer modelo de iPhone

Chamado de GrayKey, o dispositivo agora está mais em alta, graças a fotos e mais detalhes publicados pela empresa de segurança Malwarebytes.

Em uma análise do dispositivo e dos riscos do uso incorreto dele, o vendedor de segurança explica que o GrayKey vem com dois cabos Lightning que permitem o desbloqueio de dois iPhones diferentes, ao mesmo tempo.

GrayKey, um dispositivo que pode hackear qualquer modelo de iPhone

Dependendo de quão complexo seja o código de acesso, ele pode ser quebrado em apenas algumas horas, caso ele use apenas quatro dígitos. Mas o processo pode demorar até vários dias, quando seis dígitos são usados.

Passada essa fase, GrayKey exibe a senha na tela do iPhone e permite que os usuários extraem dados do dispositivo, incluindo conteúdo não criptografado do Keychain.

GrayKey, um dispositivo que pode hackear qualquer modelo de iPhone

GrayKey, um dispositivo que pode hackear qualquer modelo de iPhone

Todos os modelos de iPhone podem ser hackeados

O GrayKey custa U$$ 15.000 para 300 tentativas de hacking com conexão à Internet, mas também está disponível com tentativas ilimitadas e suporte off-line por U$$ 30.000.

Esta é uma das razões pelas quais a Malwarebytes afirma que a GrayKey pode se tornar uma grande preocupação se ele cair nas mãos erradas, apesar de usar um sistema de segurança avançado, incluindo autenticação de dois fatores.

Nas palavras da empresa:

“O modelo off-line requer autenticação de dois fatores baseada em token como uma substituição para georeferenciamento para garantir a segurança. No entanto, como as pessoas costumam escrever senhas em stickies e colocá-los em seus monitores, provavelmente é demais esperar que o token seja mantido em um local separado quando o GrayKey não estiver sendo usado. Muito provavelmente, será armazenado nas proximidades para facilitar o acesso.”

Parece que a caixa, que é super portátil e tem as dimensões de um mini PC, pode ser usada para hackear qualquer modelo de iPhone, incluindo o iPhone X. Todas as versões são consideradas como hackeáveis, incluindo as mais versões recentes.

Sem nenhuma surpresa, a gigante baseado em Cupertino não teceu nenhum comentário sobre o GrayKey, e agora é desconhecido se a Apple já corrigiu a vulnerabilidade que este dispositivo explora para hackear iPhones.

Provavelmente a Apple teria de comprar o aparelho, para poder descobrir qual falha está sendo explorada e depois corrigir. Felizmente para ela (e na outra ponta, para seus clientes), dinheiro não é um problema.

Confira a publicação da empresa de segurança Malwarebytes

Para saber mais sobre esse aparelho, clique nesse link.

O que está sendo falado no blog nos últimos dias





blog comments powered by Disqus