Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

A Microsoft criou uma fonte para a linha de comando

Se você quer dar uma renovada na visualização do terminal, aproveite, pois a Microsoft criou uma fonte para a linha de comando.

A gigante da tecnologia lançou uma nova fonte projetada para uso em ‘experiências de linha de comando e editores de código’.

A Microsoft criou uma fonte para a linha de comando

A Microsoft criou uma fonte para a linha de comando

A nova fonte, de código aberto, é chamada Cascadia Code e foi criada usando o terminal do Windows como referência, além do editor de código do Visual Studio Code.

Sim. Essa fonte foi projetada para experiências de linha de comando e editores de código

A Cascade Code é uma fonte monoespaçada, o que significa que letras, números, símbolos e espaços compartilham o mesmo espaço horizontal, facilitando a diferenciação entre eles.

A Microsoft menciona que essa nova fonte tem suporte para ligaduras para combinações de vários caracteres de programação.

Kayla Cinnamon da Microsoft explicou essa característica assim:

“As uniões de símbolos ou ligaduras na programação são muito úteis ao escrever código, pois novos caracteres podem ser criados. Isso torna o código mais legível e amigável para algumas pessoas.”


Cascadia Font é de código aberto e pode ser baixado de seu site oficial no GitHub, não é necessário compilá-lo, a Microsoft publicou o arquivo .ttf para instalá-lo diretamente.

Se você deseja ativar esta fonte no Visual Studio Code, pode fazê-lo em Arquivo> Preferências> Configurações, na seção de fontes da seção Comumente usada.

Lembre-se de que você também precisa ativar as ligaduras na mesma seção.

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.