Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

AlmaLinux OS 8.4 foi lançado com suporte a Full Secure Boot e mais

E foi lançado o AlmaLinux OS 8.4 com suporte a Full Secure Boot e mais. Confira as novidades e descubra onde baixar essa distro.

O CentOS como um grupo é uma comunidade de colaboradores e usuários de código aberto. Usuários típicos do CentOS são organizações e indivíduos que não precisam de forte suporte comercial para obter uma operação bem-sucedida.

O CentOS é uma reconstrução 100% compatível do Red Hat Enterprise Linux (RHEL), em total conformidade com os requisitos de redistribuição da Red Hat.

O CentOS era para pessoas que precisam de estabilidade do sistema operacional de classe empresarial sem o custo de certificação e suporte.

Recentemente, quando a Red Hat anunciou que encerrará a série do sistema operacional CentOS Linux 8 no final de 2021, com foco no CentOS Stream 8, vários desenvolvedores começaram a trabalhar em substituições do CentOS Linux.

Um deles é o AlmaLinux OS, desenvolvido pelos criadores do CloudLinux OS, uma distribuição Linux popular baseada no CentOS Linux e comercializada para provedores de hospedagem compartilhada.

Agora, a equipe do AlmaLinux OS anunciou a disponibilidade geral do AlmaLinux OS 8.4.

Novidades do AlmaLinux OS 8.4

AlmaLinux OS 8.4 foi lançado com suporte a Full Secure Boot e mais
AlmaLinux OS 8.4 foi lançado com suporte a Full Secure Boot e mais

Derivado das fontes disponíveis gratuitamente do sistema operacional Red Hat Enterprise Linux 8.4 lançado recentemente, o AlmaLinux OS 8.4 está aqui para herdar todos os seus novos recursos e melhorias, como suporte para a família de GPUs Intel Tiger Lake como Intel UHD e Intel Gráficos Xe, duas novas funções de sistema, bem como recursos de computação de ponta aprimorados.

Além disso, esta versão apresenta suporte para perfis de segurança OpenSCAP, que o projeto AlmaLinux disse que estão prontos para produção, bem como um repositório chamado “devel” que contém pacotes extras destinados apenas a desenvolvedores e não recomendados para uso em um ambiente de produção.

Para completar, o AlmaLinux OS 8.4 traz suporte completo para o padrão de segurança Secure Boot, o que significa que agora você pode instalar com segurança a distribuição em um computador com Secure Boot habilitado.

Novos fluxos de módulo também estão presentes na nova versão do AlmaLinux OS, incluindo Python 3.9, SWIG 4.0, Subversion 1.14, Redis 6, PostgreSQL 13 e MariaDB 10.5, e vários conjuntos de ferramentas do compilador foram atualizados para novas versões, incluindo GCC 10, LLVM 11.0. 0, Rust 1.49.0 e Go 1.15.7.

Por fim, este lançamento do AlmaLinux OS vem com o repositório “PowerTools” desabilitado por padrão em uma tentativa de igualar a distribuição do Red Hat Enterprise Linux.

O repositório foi movido para um arquivo separado chamado almalinux-powertools.repo para aqueles que desejam/precisam usá-lo.

Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse a nota de lançamento.

Baixe e experimente o AlmaLinux OS 8.4

A imagem ISO do AlmaLinux OS 8.4 já pode ser baixada acessando a página de download da distribuição.

Verifique se a imagem ISO está corrompida

Antes de gravar a imagem ISO que você baixou, verifique se ela está corrompida usando o tutorial abaixo:
Como verificar se uma imagem ISO está corrompida

Como gravar uma imagem ISO no Linux

Quem precisar gravar a imagem ISO após o download, pode usar esse tutorial do blog:

Como gravar uma imagem ISO Usando o Nautilus
Como gravar uma imagem ISO usando o Terminal
Como criar um pendrive de instalação
Como criar um pendrive inicializável com GNOME Disks
Como criar um pendrive inicializável com o Etcher no Linux

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.