Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G

Segundo informações do especialista em informática do blog Esper, Mishaal Rahman, o Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G.

O Android 13 terá uma opção inesperada. Com a próxima versão do Android, o Google permitirá limitar a velocidade de conexão com a internet; seja em Wi-Fi, 5G ou 4G. Obviamente, esta ferramenta será especialmente útil para desenvolvedores.

Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G

Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G
Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G

Há alguns dias, o Google lançou a atualização do Android 13 Developer Preview 2. Esta nova versão, destinada exclusivamente a desenvolvedores, oferece uma prévia das novidades que serão inauguradas pela gigante de Mountain View com o Android 13.

Enquanto vasculhavam o código da atualização, vários desenvolvedores detectaram mudanças no sistema Android. É o caso de Mishaal Rahman, especialista em informática do blog Esper e ex-editor do XDA.

O especialista descobriu pela primeira vez a presença de um sistema de alerta que avisa se um aplicativo esgotar a energia da bateria do seu telefone e um menu que permite personalizar o vibrador.

Seguindo essas descobertas, Mishaal Rahman descobriu uma opção incrível para conter a conexão Wi-Fi ou móvel de um smartphone.

Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G
Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G

De acordo com o especialista, essa ferramenta é para desenvolvedores que desejam testar o funcionamento de seus aplicativos em uma situação em que a conexão com a Internet está abaixo do ideal.
Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G
Android 13 permitirá restringir redes Wi-Fi, 5G ou 4G

“Problemas imprevistos podem surgir quando a conexão de internet de um dispositivo é lenta, e os desenvolvedores podem se antecipar a esses problemas testando seus aplicativos em condições de rede simuladas.”, diz Mishaal Rahman.

Até agora, Android e Android Studio, a ferramenta de desenvolvimento de aplicativos Android; não permitia simular uma conexão ruim com a Internet.

Com esse recurso, que provavelmente será inútil para os usuários, o Google busca facilitar o trabalho das equipes de desenvolvimento. Por meio do IssueTracker, um funcionário do Google confirmou a chegada da ferramenta no Android 13.

Como lembrete, a implantação da versão final e estável do Android 13 não está planejada antes de setembro de 2022.

Se o Google permanecer fiel aos seus hábitos, uma primeira versão beta pública estará disponível após o Google I/O. A missa anual da marca acontecerá nos dias 11 e 12 de maio de 2022.

Além disso, entre os recursos do próximo Android 13; uma notificação do sistema estará disponível para os usuários se um aplicativo consumir muita energia em um período de 24 horas. A notificação será aplicada a todos os aplicativos com algumas exceções.

Há alguns anos, o Android já tentou implementar notificações de uso de bateria; mas o recurso acaba sendo muito intrusivo. Agora as notificações serão mais “moderadas” – tendo aparecido uma vez, elas não aparecerão novamente por pelo menos 24 horas.

Se o sistema detectar que o aumento do consumo de energia está associado a um aplicativo que exibe informações ao usuário no modo de serviço em primeiro plano, ele aguarda o término da demonstração ou a conclusão do processo correspondente e mostra uma notificação apenas se o aplicativo continuar consumindo muito poder depois disso.

No Post found.

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.