Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Asterisk 18 lançado com maior suporte para protocolos, codecs e muito mais

E foi lançado o Asterisk 18 chega com maior suporte para protocolos, codecs e muito mais. Confira os detalhes dessa importante atualização.

Asterisk é um poderoso software que é usado para implementar software PBXs, sistemas de comunicação de voz, gateways VoIP, organizar sistemas IVR (menu de voz), correio chamadas, teleconferências e centros de atendimento e que o código-fonte do projeto está disponível sob a licença GPLv2.

Talvez o mais interessante sobre o Asterisk é que ele reconhece muitos protocolos VoIP como SIP, H.323, IAX e MGCP. O Asterisk pode interoperar com terminais IP agindo como um registrador e como um gateway entre os dois.

Um dos pontos fortes do software Asterisk é que ele permite a unificação de tecnologias: VoIP, GSM e PSTN.

Agora, depois de um ano de desenvolvimento, um novo ramo estável da plataforma de comunicação aberta Asterisk 18 foi lançado.

Novidades do Asterisk 18

Asterisk 18 lançado com maior suporte para protocolos, codecs e muito mais
Asterisk 18 lançado com maior suporte para protocolos, codecs e muito mais

No Asterisk 18, o suporte para os protocolos STIR/SHAKEN foi adicionado para combater o spoofing de identificador de chamadas.

Com estes novos protocolos adicionados é suportado o envio de um cabeçalho com garantia de identidade para chamadas de saída e a verificação do chamador ao receber chamadas com certificação de identidade para chamadas de saída e verificação do chamador ao receber chamadas recebidas.

Outra mudança que é apresentada nesta nova versão do Asterisk 18 é que foi adicionado um novo modo de formato de registro “simples”, que não usa caracteres de controle para destacar e fornece informações sobre o arquivo, a função e o número linha.

Adicionadas opções “maximum_sample_rate” ao gateway de conferência ConfBridge para definir a taxa de amostragem máxima e opções “text_messaging” para controlar se o usuário tem mensagens de texto habilitadas.

No ARI (Asterisk REST Interface), uma API para a criação de aplicativos de comunicação externa que podem manipular diretamente canais, pontes e outros componentes de telefonia no Asterisk, o parâmetro ‘inhibitConnectedLineUpdates’ foi adicionado para chamadas para ‘bridges.addChannel’ para impedi-los de o ID de uma nova linha conectada é passado para outros participantes do canal combinado.

O sub-recurso “externalMedia” foi adicionado ao recurso Canal ARI, com a ajuda do qual você pode substituir o som de um servidor externo nos canais combinados ou transmitir o som dos canais combinados para um servidor externo.

O comportamento do aplicativo BridgeAdd é semelhante ao do aplicativo Bridge e também define a variável BRIDGERESULT para o canal, de forma que as informações sobre o resultado da combinação de canais sejam passadas para o script de processamento de chamadas (dialplan).

O módulo res_pjsip implementa as novas opções Input_call_offer_pref e outgoing_call_offer_pref para definir a ordem desejada dos codecs para chamadas de entrada e saída.

AMI (Asterisk Manager Interface) adicionou a capacidade de especificar ‘Content-Type’ para ações SendText.

Das outras mudanças que se destacam nesta nova versão:

  • Para aplicativos e canais, o suporte para o protocolo de transmissão de áudio bidirecional AudioSocket foi implementado.
  • A configuração “hide_messaging_ami_events” é ativada por padrão para excluir eventos de mensagens para reduzir a carga em aplicativos AMI e ARI.
  • Adicionado suporte para codec de vídeo H.265/HEVC.
  • Os aplicativos Dial, Page e ChanIsAvail permitem a utilização de posições vazias na lista de mala direta, simplificando os cenários de processamento de chamadas ao eliminar a necessidade de busca por posições vazias.
  • Adicionada a opção “enable_status” ao servidor http embutido para desabilitar a renderização “/httpstatus” da página interna.
  • Adicionado o modo “playlist” para res_musiconhold, permitindo que você especifique uma lista de arquivos ou URLs para reprodução.
  • Res_rtp_asterisk converteu o mecanismo de lista negra em um sistema de lista de acesso (ACL) com as opções ice_deny, ice_permit, ice_acl, stun_deny, stun_permit e stun_acl.
  • O Streams API implementa os recursos básicos para gerenciamento de negociação de codec (ACN, negociação avançada de codec).

Para saber mais sobre essa versão do Asterisk, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar o Asterisk

Para instalar a versão mais recente do Asterisk nas principais distribuições Linux, use esse os arquivos disponíveis nesse endereço.

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.