Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Como atualizar o Debian Stretch para Buster via terminal

Se você quer atualizar seu sistema Debian de um jeito rápido e direto, siga os passos desse tutorial e veja como atualizar o Debian Stretch para Buster via terminal.

A equipe do projeto Debian tem trabalhado na série de sistemas operacionais Debian 10 Buster há dois anos.

Tudo começou no início de julho de 2017, algumas semanas depois do lançamento da série Debian 9 Stretch.

Como atualizar o Debian Stretch para Buster via terminal
Como atualizar o atualizar o Debian Stretch para Buster via terminal

Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse esse esse artigo ou a nota de lançamento.

O Debian 10 Buster já está chegando. Mas você não precisa ficar esperando até o dia do lançamento para usá-lo no seu PC.

Se você estiver usando a versão anterior do sistema (Debian 9 Stretch), esse tutorial mostrará como atualizar o Debian 9 Stretch para a versão 10 Buster via terminal.

Então, faça backup dos seus dados e siga as instruções abaixo.

Preparando o sistema (e o usuário) para atualizar o Debian Stretch para Buster via terminal

A seguir, você verá como atualizar um sistema Debian 9 Stretch para a versão 10 Buster via terminal. Prepare seu café, cancele os outros downloads e vamos a atualização.

Antes de começar, lembre-se de remover os pacotes desnecessários e faça um backup de seus dados.

Como atualizar o Debian 9 Stretch para a versão 10 Buster via terminal

Para atualizar o Debian 9 Stretch para a versão 10 Buster via terminal, você deve fazer o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal como administrador ou pressione CTRL + ALT + F1 e faça login como root;
Passo 2. Use os comandos abaixo para atualizar seu sistema atual;

apt-get update
apt-get upgrade
apt-get dist-upgrade

Passo 3. Se quiser conferir como está o arquivo de configuração de programas do gerenciador de pacotes, use esse comando;

cat /etc/apt/sources.list

Passo 4. No Debian Stretch, ele deve estar basicamente nesse formato;

deb http://security.debian.org Stretch/updates main
deb http://ftp.br.debian.org/debian/ stretch main
deb-src http://ftp.br.debian.org/debian/ stretch main
deb http://ftp.us.debian.org/debian stretch main
deb-src http://ftp.us.debian.org/debian/ stretch main/code>

Passo 5. Substitua a palavra Stretch por Buster, no arquivo /etc/apt/sources.list, usando esse comando;

sed -i 's/stretch/buster/g' /etc/apt/sources.list

Passo 6. Novamente, se quiser conferir como está o arquivo de configuração de programas do gerenciador de pacotes, use esse comando;

cat /etc/apt/sources.list

Passo 7. Depois da mudança, ele ficará mais ou menos assim;

deb http://security.debian.org buster/updates main
deb http://ftp.br.debian.org/debian/ buster main
deb-src http://ftp.br.debian.org/debian/ buster main
deb http://ftp.us.debian.org/debian buster main
deb-src http://ftp.us.debian.org/debian/ buster main/code>

Passo 8. Use os comandos abaixo para atualizar as informações do gerenciador de pacotes e os pacotes básicos;

apt-get update
apt-get upgrade

Passo 9. Finalmente, instale qualquer outra atualização disponível, com o comando abaixo. Essa etapa demora bastante e dependendo do que você tem instalado, será necessário responder a algumas perguntas durante o processo;

apt-get dist-upgrade

Passo 10. Quando finalizar a instalação, use o comando a seguir para reiniciar o sistema;

reboot

Passo 11. Quando o sistema iniciar novamente, use o comando a seguir para verificar as informações atuais do Debian;

hostnamectl

Passo 12. O resultado será algo parecido com as informações abaixo;

Static hostname: debian
         Icon name: computer
           Chassis: c
        Machine ID: 909d7eb4d6cd403bb9cf478d1a3fb18d
           Boot ID: 17584ebea9d447cc9657fcbced3850d0
    Virtualization: oracle
  Operating System: Debian GNU/Linux 10 (Buster)
            Kernel: Linux x.y.z-y-amd64 x86_64
      Architecture: x86-64

Pronto! Seu sistema está atualizado e pronto para ser usado.

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.