Como instalar a linguagem PHP 7.3 no CentOS 8 e derivados

Desenvolve aplicativos em PHP e usa o CentOS para isso? Veja como instalar a linguagem PHP 7.3 no CentOS 8 e derivados!

Se você desenvolve em PHP e usa o CentOS para isso, veja como instalar a PHP 7.3 no CentOS 8 e derivados.

Todo desenvolvedor de aplicativos deve usar versões recentes de sua linguagem de . Isso porque ele permite tirar proveito de todo o potencial da linguagem e, acima de tudo, por razões de segurança.

Como instalar a linguagem PHP 7.3 no CentOS 8 e derivados
Como instalar a linguagem PHP 7.3 no CentOS 8 e derivados

No entanto, distribuições como o CentOS 8 não fornecem as versões estáveis ​​mais recentes dos programas, pois utilizam as fases de congelamento do software que são testadas e, quando não há falhas graves, é considerado estável.

Isso traz uma grande vantagem que é a estabilidade, mas também traz uma desvantagem que é a ausência dos pacotes mais recentes. No entanto, a comunidade sempre encontra uma maneira de resolver o problema por meio de repositórios de terceiros estáveis ​​e seguros.

Bem, no caso do PHP, isso acontece da mesma forma. O CentOS 8 vem com o PHP 7.2 em seus repositórios, mas o PHP 7.3 já existe. Neste post, você aprenderá como instalar o PHP 7.3 no CentOS 8.

PHP é muito conhecido. Essa linguagem orientada à Web é amplamente conhecida por sua facilidade de aprendizado e seu poder.

Felizmente, o do PHP é bastante ativo e, de tempos em tempos, temos uma nova versão que ajuda a melhorar a estabilidade e a segurança dos aplicativos feitos com a linguagem.

Então, é conveniente desenvolver em versões recentes da linguagem de programação.

Ou, no caso de servidores, é conveniente ter bibliotecas e idiomas atualizados para que os novos aplicativos possam ser executados corretamente.

Como instalar o programa no Ubuntu e seus derivados

Como instalar a linguagem PHP 7.3 no CentOS 8 e derivados

Para instalar a linguagem PHP 7.3 no CentOS 8 e derivados, você deve fazer o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Obtenha privilégios de administrador com o seguinte comando;

su

Passo 3. Atualize o sistema operacional completamente, antes de qualquer operação nele;

dnf update

Passo 4. O PHP 7.3 está disponível graças ao repositório REMI. O problema é que este repositório depende do repositório EPEL. Este repositório deve estar ativado. Para ativar o repositório EPEL, basta executar o seguinte comando;

rpm -Uvh https://dl.fedoraproject.org/pub/epel/epel-release-latest-8.noarch.rpm

Passo 5. Após a instalação do pacote correspondente, o repositório EPEL será ativado. Então, podemos habilitar o repositório REMI, onde é o PHP 7.3. Para fazer isso, basta usar este comando:;

dnf install https://rpms.remirepo.net/enterprise/remi-release-8.rpm

Passo 6. O REMI é um repositório fantástico porque possui várias versões do PHP disponíveis. Nesse caso, estamos interessados ​​na versão 7.3. Para ativar esta “seção” do repositório, use o seguinte comando;

dnf module enable php:remi-7.3

Passo 7. Agora, você pode instalar o PHP 7.3 com o comando abaixo. Este comando instalará o idioma mais básico como intérprete. Lembre-se de que, para desenvolver ou atender a aplicativos, é necessário instalar os módulos PHP necessários;

dnf install php php-cli php-common

Passo 8. Por fim, você pode verificar a versão instalada com o seguinte comando:;

php -v

E pronto, você pode continuar instalando os módulos PHP necessários. E comece a trabalhar.

Como é possível ver, a instalação do PHP não é complicada em quase nenhuma distribuição atual do Linux; no entanto, é conveniente ter versões recentes que ajudem a melhorar a fluidez do sistema. Para isso, usamos um repositório externo para fornecer os pacotes que, por padrão, a distribuição não nos fornece.

O que está sendo falado no blog

No Post found.

Veja mais artigos publicados neste dia…

Ajude a manter o Blog do Edivaldo - Faça uma doação

Se você gosta do conteúdo do Blog, você pode ajudar a manter o site simplesmente fazendo uma doação única, esporádica ou mensal, usando uma das opções abaixo:

Doação usando Paypal

Doação usando PagSeguro
Outras formas de ajudar a manter o Blog do Edivaldo