Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Como instalar o editor de imagens digiKam no Linux via Flatpak

Se você precisa melhorar qualquer tipo de imagem, conheça e veja como instalar o editor de imagens digiKam no Linux via Flatpak

O digiKam é um aplicativo avançado de gerenciamento de fotos digitais de código aberto que roda em Linux, Windows e MacOS.

Como instalar o editor de imagens digiKam no Linux via Flatpak
Como instalar o editor de imagens digiKam no Linux via Flatpak

Ele fornece um conjunto abrangente de ferramentas para importar, gerenciar, editar e compartilhar fotos e arquivos brutos.

Você pode usar os recursos de importação do digiKam para transferir facilmente fotos, arquivos brutos e vídeos diretamente da sua câmera e dispositivos de armazenamento externos (cartões SD, discos USB, etc.).

Esse programa permite definir configurações e regras de importação que processam e organizam itens importados rapidamente.

O digiKam organiza fotos, arquivos brutos e vídeos em álbuns. Mas o aplicativo também possui ferramentas poderosas de marcação que permitem atribuir tags, classificações e rótulos a fotos e arquivos brutos.

Você pode usar a funcionalidade de filtragem para encontrar rapidamente itens que correspondem a critérios específicos.

Além da funcionalidade de filtragem, o digiKam possui recursos avançados de pesquisa que permitem pesquisar na biblioteca de fotos por uma ampla variedade de critérios.

Você pode pesquisar fotos por tags, etiquetas, classificação, dados, local e até metadados EXIF, IPTC ou XMP específicos. Você também pode combinar vários critérios para pesquisas mais avançadas.

O digiKam conta com a biblioteca Exiv2 para manipular o conteúdo das tags de metadados dos arquivos para preencher a biblioteca de fotos.

O digiKam pode lidar com arquivos não processados, e o aplicativo usa a excelente biblioteca LibRaw para decodificar arquivos não processados.

A biblioteca é ativamente mantida e atualizada regularmente para incluir suporte para os modelos de câmera mais recentes.

O digiKam também pode gerenciar arquivos de vídeo para fins de catalogação, e o aplicativo usa as duas bibliotecas FFmpeg e QtAv para extrair metadados e reproduzir mídia.

O aplicativo fornece um conjunto abrangente de ferramentas de edição. Isso inclui ferramentas básicas para ajustar cores, corte e nitidez, além de ferramentas avançadas para ajuste de curvas, costura de panorama e muito mais.

Uma ferramenta especial baseada na biblioteca Lensfun permite aplicar correções de lente automaticamente nas imagens.

A funcionalidade estendida no digiKam é implementada por meio de um conjunto de ferramentas baseadas no mecanismo de plugins (denominado DPlugins para plugins digiKam).

Os plug-ins podem ser criados para importar e exportar conteúdo para serviços da Web remotos, adicionar novos recursos para editar imagens e processar fotos em lote.

Como instalar o editor de imagens digiKam no Linux via Flatpak

Para instalar o editor de imagens digiKam via Flatpak você precisa ter o suporte a essa tecnologia instalado em seu sistema. Se não tiver, use o tutorial abaixo para instalar:

Como instalar o suporte a Flatpak no Linux

Depois, você pode instalar o editor de imagens digiKam via Flatpak, fazendo o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Use o comando abaixo para instalar o programa via Flatpak. Tenha paciência, pois muitas vezes pode demorar vários minutos para que o Flatpak faça o download de tudo o que precisa;

flatpak install --user https://flathub.org/repo/appstream/org.kde.digikam.flatpakref

Passo 3. Para atualizar o programa, quando uma nova versão estiver disponível, execute o comando:

flatpak --user update org.kde.digikam

Pronto! Agora, quando quiser iniciar o programa, digite flatpak run org.kde.digikam em um terminal.

Você também pode tentar iniciar o programa no menu Aplicativos/Dash/Atividades ou qualquer outro lançador de aplicativos da sua distro, ou digite digikam ou em um terminal, seguido da tecla TAB.

Como desinstalar o editor de imagens digiKam no Linux via Flatpak

Para desinstalar o editor de imagens digiKam via Flatpak, fazendo o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Desinstale o programa, usando o seguinte comando no terminal:

flatpak --user uninstall org.kde.digikam

Ou

flatpak uninstall org.kde.digikam
Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.