Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Descobertos 15 Aplicativos falsos de mapas para Android

Um pesquisador da ESET informou que foram descobertos 15 Aplicativos falsos de mapas para Android. Confira os detalhes da pesquisa e entenda.


A Google Play Store cresceu tanto que é quase impossível manter todos os itens maliciosos longe de seus usuários, mas o problema real aparece quando aplicativos falsos registram milhões de downloads e não fazem nada mais do que enviar spam para você com anúncios.

Descobertos 15 Aplicativos falsos de mapas para Android
Descobertos 15 Aplicativos falsos de mapas para Android

Descobertos 15 Aplicativos falsos de mapas para Android

Este é o caso de nada menos que 15 aplicativos de navegação GPS que foram publicados na Google Play Store, e que, segundo o pesquisador de malware da ESET Lukas Stefanko, registraram mais de 50 milhões de instalações.

Sobre a descoberta, Lukas disse o seguinte:

“Esses aplicativos apenas abrem o Google Maps ou usam sua API sem qualquer valor adicional para o usuário, exceto para exibir anúncios. Alguns deles nem têm o ícone adequado do aplicativo.”

Basicamente, esses aplicativos se apresentam como aplicativos de navegação completos para Android, mas, em vez disso, apenas criam uma camada entre o Google Maps e o usuário para exibir anúncios.

Dessa forma, o desenvolvedor pode gerar receita sem oferecer qualquer funcionalidade, pois os anúncios normalmente são exibidos antes de iniciar o aplicativo e usá-lo.

Além disso, alguns desses aplicativos de navegação ainda usam capturas de tela falsas que são realmente roubadas de outros aplicativos de GPS da Google Play Store, que não violam os termos da loja.

O pesquisador completou a análise dizendo o seguinte:

“Eles não têm nenhuma tecnologia de navegação ou know-how, eles só usam mal o Google Maps. Quando o usuário clica nas opções Drive, Navegar, Rotear, Meu local ou outro, o aplicativo do Google Maps é aberto”

Um dos aplicativos incluiu um recurso solicitando que o usuário pague pela remoção dos anúncios e ofereça uma experiência de navegação simples, que é fornecida pelo Google Maps, muitas vezes pré-instalada em dispositivos Android.

Todos os aplicativos já foram reportados ao Google, mas segundo o pesquisador da ESET, apenas alguns deles foram removidos.

Provavelmente, o gigante das buscas vai puxar o resto em breve, especialmente quando mais usuários os descobrirem na Play Store.

O que está sendo falado no blog

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.