Distribuição Scientific Linux será descontinuada após 14 anos

Os responsáveis pela principal dedicada à ciência informaram a Scientific Linux será descontinuada após 14 anos. Confira os detalhes.

Produzido pelo Fermilab, CERN, ETH Zurich e DESY, o Scientific Linux é um sistema operacional baseado em Linux de código aberto e gratuito derivado da fonte distribuída gratuitamente do RHEL (Red Hat Enterprise Linux) da Red Hat.

Distribuição Scientific Linux será descontinuada após 14 anos
Distribuição Scientific Linux será descontinuada após 14 anos

Embora pretenda ser totalmente compatível com o Red Hat Enterprise Linux, ele também fornece pacotes adicionais não encontrados no produto upstream.

Os mais notáveis ​​entre eles são vários sistemas de arquivos, incluindo Cluster Suite e Global File System (GFS), FUSE, OpenAFS, Squashfs e Unionfs, suporte a redes sem fio com firmware sem fio Intel, MadWiFi e NDISwrapper, Sun Java e Java Development Kit (JDK), o leve gerenciador de janelas IceWM, R (uma linguagem e ambiente para computação estatística), e o cliente de e-mail Alpine.

Esse sistema foi lançado pela primeira vez há 14 anos em 10 de maio de 2004.

Agora, quase 14 anos depois, aqueles que trabalharam duro para manter uma das poucas distribuições Linux dedicadas à ciência, decidiram que é hora de descansar e não mais publicar novas versões do Scientific Linux.

Distribuição Scientific Linux será descontinuada após 14 anos

Sim, o Fermilab anunciou recentemente que não mais a desenvolverão a distribuição Scientific Linux.

Com isso, o Scientific Linux 8 que deveria ser a próxima versão principal, não verá a luz do dia.

Pat Riehecky, do Fermilab, anunciou que a equipe migrará em breve seus computadores dedicados a operações científicas no CERN e outras instituições para o próximo sistema operacional CentOS Linux 8, que deve ser lançado no final deste ano com base na série Red Hat Enterprise Linux 8.

Sobre isso, Pat Riehecky disse o seguinte:

“Com essa finalidade, implantaremos o CentOS 8 em nossos ambientes de computação científica em vez de desenvolver o Scientific Linux 8. Colaboraremos com o CERN e outros laboratórios para ajudar a tornar o CentOS uma plataforma ainda melhor para computação física de alta energia.”

Scientific Linux 6.xe 7.x para receber suporte até o final de sua vida útil

No momento, o Fermilab mantém duas ramificações do Scientific Linux, séries 6.x e 7.x, baseadas no Red Hat Enterprise Linux 6 e no Red Hat Enterprise Linux 7, respectivamente.

Estes continuarão a receber suporte com atualizações de software e segurança até o fim de suas vidas até 2020 e 2024, respectivamente.

Com isso em mente, você ainda pode baixar o último do Scientific Linux, que são 6.10 e 7.6, se quiser instalá-los em seus computadores.

O Fermilab disse que eles estão ansiosos para unificar sua plataforma de computação científica com colaborações de outras instituições científicas e laboratórios como a DUNE.

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Ajude a manter o Blog do Edivaldo - Faça uma doação

Se você gosta do conteúdo do Blog, você pode ajudar a manter o site simplesmente fazendo uma doação única, esporádica ou mensal, usando uma das opções abaixo:

Doação usando Paypal

Doação usando PagSeguro
Outras formas de ajudar a manter o Blog do Edivaldo