Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

GhostBSD 21.01.15 lançado com menos uso de memória na mídia live

O projeto GhostBSD publicou uma nova versão do seu sistema, o GhostBSD 21.01.15. Confira as novidades e descubra onde baixar esse sistema.

O GhostBSD é um sistema operacional de desktop fácil de usar, baseado no FreeBSD. Sua área de trabalho padrão é MATE, mas uma edição comunitária separada com o Xfce também está disponível.

Ele também possui um sistema init OpenRC, uma seleção de software comumente usado, um modelo de desenvolvimento de lançamento contínuo e uma imagem ao vivo inicializável com um instalador de sistema gráfico intuitivo.

Agora, o projeto publicou uma nova versão, o GhostBSD 21.01.15.

Novidades do GhostBSD 21.01.15

GhostBSD 21.01.15 lançado com menos uso de memória na mídia live
GhostBSD 21.01.15 lançado com menos uso de memória na mídia live

Esta versão reduz sua pegada de memória na mídia live e também remove a opção de particionamento guiado que ocuparia um disco inteiro com uma partição UFS.

Esta nova ISO do GhostBSD 21.01.15 vem com uma limpeza de pacotes que inclui a remoção do LibreOffice e do Telegram da seleção padrão.

Eles fizeram isso para trazer os sistemas de arquivos zfs RW live para serem executados sem problemas em uma máquina de 4 GB de memória RAM.

Além disso, também foi removida a opção UFS full disk do instalador. Os usuários ainda podem usar partições personalizadas para configurar a partição UFS, mas não recomendamos.

O GhostBSD 21.01.15 também corrige a restrição do botão Avançar na partição personalizada relacionada a algum bug que as pessoas relataram.

Por fim, o GhostBSD 21.01.15 também foi corrigida a configuração de local padrão ausente e adicionada a configuração padrão para Linux Steam, sem esquecer que a ISO inclui kernel, userland e várias atualizações de aplicativos.

Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse a nota de lançamento.

Baixe e experimente o GhostBSD 21.01.15

A imagem ISO do GhostBSD 21.01.15 já pode ser baixada acessando a página de download da distribuição.

Verifique se a imagem ISO está corrompida

Antes de gravar a imagem ISO que você baixou, verifique se ela está corrompida usando o tutorial abaixo:
Como verificar se uma imagem ISO está corrompida

Como gravar uma imagem ISO no Linux

Quem precisar gravar a imagem ISO após o download, pode usar esse tutorial do blog:

Como gravar uma imagem ISO Usando o Nautilus
Como gravar uma imagem ISO usando o Terminal
Como criar um pendrive de instalação
Como criar um pendrive inicializável com GNOME Disks
Como criar um pendrive inicializável com o Etcher no Linux

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.