Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

GNOME console poderá substituir o terminal do GNOME no Ubuntu 22.10

Se uma proposta recente conseguir ser aprovada, em breve o GNOME console poderá substituir o terminal do GNOME no Ubuntu 22.10.

Em maio, houve uma proposta do engenheiro de software de desktop da Canonical, Jeremy Bicha, para usar o novo GNOME Console como o aplicativo de terminal padrão no Ubuntu 22.10, substituindo o GNOME Terminal.

Essa mudança padrão ainda não aconteceu, mas algumas melhorias necessárias foram feitas no pacote gnome-console do Ubuntu Kinetic antes dessa possível mudança.

A proposta de maio é usar o GNOME Console no lugar do GNOME Terminal como o aplicativo de terminal padrão, seguindo a recomendação upstream do GNOME 42.

GNOME console poderá substituir o terminal do GNOME no Ubuntu 22.10

GNOME console poderá substituir o terminal do GNOME no Ubuntu 22.10
GNOME console poderá substituir o terminal do GNOME no Ubuntu 22.10

O GNOME Console é mais minimalista que o terminal do GNOME, há suporte a preferências de estilo escuro, suporte a transparência nativa para o GNOME Console, notificações para comandos de longa duração, alterações de cores da interface do usuário para terminais root/sudo e outros aprimoramentos.

O GNOME Console também foi recentemente portado para o kit de ferramentas GTK4.

Um problema de bloqueio, porém, foi o GNOME Console não suportar a noção de abrir novas guias no diretório de trabalho da guia atual.

Na semana passada, um patch foi adicionado ao pacote GNOME Console do Ubuntu 22.10 para resolver esse problema, bem como para integração de distro, permitindo que o x-terminal-emulator aponte para o gnome-console.

O pacote nautilus-extension-gnome-console também é definido como uma recomendação ao instalar o gnome-console.

Portanto, embora nenhuma alteração padrão tenha sido feita ainda e o GNOME Console não esteja instalado por padrão nas últimas compilações diárias do Ubuntu 22.10, com esses itens agora limpos, veremos se essa alteração de terminal padrão ainda acontece para o Ubuntu 22.10.

Nesta fase, o GNOME Console tem principalmente melhorias sutis em relação ao GNOME Terminal, como o suporte à translucidez e a diferença de cores ao executar comandos sudo/root.

Dada a recomendação upstream do GNOME, espere que outras distribuições Linux comecem a fazer a transição do gnome-terminal para o gnome-console daqui para frente.

Enquanto isso, outra alteração padrão do aplicativo GNOME que já foi feita para o Ubuntu 22.10 está substituindo o Gedit pelo GNOME Text Editor.

Aguarde o lançamento do Ubuntu 22.10 em 20 de outubro com os componentes de desktop GNOME mais recentes e muitas outras melhorias em todo o sistema operacional.

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.