GNOME Shell no Ubuntu 19.04 deverá ser bem mais rápido

Confira as novidades do desenvolvimento Ubuntu 19.04 que indicam que o GNOME Shell no Ubuntu 19.04 deverá ser bem mais rápido do que é atualmente!

Se depender do trabalho dos desenvolvedores, o GNOME Shell no Ubuntu 19.04 deverá ser bem mais rápido do que é atualmente. Confira essa e outras novidades do Ubuntu 19.04.


Completando pouco mais de um mês após o lançamento do Ubuntu 18.10, o desenvolvimento no Ubuntu 19.04 “Disco Dingo” está progredindo a toda velocidade.
GNOME Shell no Ubuntu 19.04 deverá ser bem mais rápido
GNOME Shell no Ubuntu 19.04 deverá ser bem mais rápido

Assim, o Ubuntu 19.04 está começando a tomar forma com mais alterações na fila para a próxima versão de seis meses no Ubuntu Linux.

GNOME Shell no Ubuntu 19.04 deverá ser bem mais rápido

Durante a semana passada, em particular, houve várias alterações/adições de desenvolvimento que merecem ser destacadas do resumo de desenvolvimento:

  • Trabalho para exibir kernel live patches pendentes através da interface do usuário do Update Manager;
  • Várias atualizações de pacotes do GNOME estão agora disponíveis no archive Disco Dingo;
  • Daniel Van Vugt, da Canonical, continua fazendo muito para alcançar um melhor desempenho para o GNOME SHell.

As realizações recentes de desempenho incluem uma otimização de grade de ícone que foi upstreaming, uma regressão de alta utilização da CPU que vem desde o Ubuntu 18.04, que foi corrigida no Ubuntu 19.04 e deve ser transferida por meio de um backport para o Ubuntu 18.10.

Há também uma correção de latência do X.Org aproximando-se do final, para melhorar o desempenho de vários monitores com o GNOME Shell, o trabalho de sincronização da apresentação e também explorando um problema de tempo de Clutter.

Depois do lançamento do Ubuntu 18.04 no início deste ano, Mark Shuttleworth falou sobre como fazer um novo instalador de desktop do Ubuntu e a possibilidade de usar HTML5 e Electron para ele enquanto aproveitava o Snaps e o trabalho de instalação que eles faziam no lado do servidor com Curtin.

Não houve muito a relatar sobre isso durante o ciclo de 18.10, mas parece que isso ainda está avançando e talvez possamos ver uma encarnação inicial dele funcionando para o Ubuntu 19.04.

Os desenvolvedores do Ubuntu têm trabalhado em algumas mudanças no Curtin para se adequar a este novo caso de uso, corrigindo alguns bugs no LiveCD-rootfs, testando um desktop Ubuntu mínimo com Curtin, e descobrir outros itens que precisam ser abordados.

O que está sendo falado no blog

Ajude a manter o Blog do Edivaldo - Faça uma doação

Se você gosta do conteúdo do Blog, você pode ajudar a manter o site simplesmente fazendo uma doação única, esporádica ou mensal, usando uma das opções abaixo:

Doação usando Paypal

Doação usando PagSeguro
Outras formas de ajudar a manter o Blog do Edivaldo



blog comments powered by Disqus