Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Linux From Scratch 11 lançado, e agora, não usa mais o sistema split-user

A comunidade LFS anunciou o lançamento do Linux From Scratch 11. Confira as novidades desse importante livro eletrônico e veja onde baixar.

O Linux From Scratch (LFS) é um projeto que fornece as etapas necessárias para criar seu próprio sistema Linux personalizado.

Existem várias razões pelas quais alguém deseja instalar um sistema LFS.

A pergunta que muitas pessoas levantam é: “por que passar por todo o aborrecimento de instalar manualmente um sistema Linux a partir do zero, quando você pode simplesmente baixar uma distribuição existente como Debian ou Redhat”.

Essa é uma pergunta válida que pode ser respondida com o seguinte argumento: A razão mais importante para a existência do LFS é ensinar às pessoas como um sistema Linux funciona internamente.

Construir um sistema LFS ensina tudo o que faz o Linux funcionar, como as coisas funcionam juntas e dependem uma da outra.

E o mais importante, como personalizá-lo para seu próprio gosto e necessidades.

Enfim, LFS é um livro que fornece instruções passo a passo sobre como construir um sistema Linux básico a partir do zero (usando um sistema ativo Linux padrão).

Já o BLFS expande o livro LFS, dando mais lições sobre como compilar o X Window System, gerenciadores de janelas e ambientes de desktop, bem como uma variedade de pacotes populares de desktop e servidor e suas dependências.

Agora, Bruce Dubbs anunciou o lançamento do Linux From Scratch (LFS) 11.0, a mais recente versão do livro do projeto que fornece instruções passo a passo para construir um sistema Linux a partir do código-fonte.

Novidades do Linux From Scratch 11

Linux From Scratch 11 lançado, e agora, não usa mais o sistema split-user
Linux From Scratch 11 lançado, e agora, não usa mais o sistema split-user

Sim. A comunidade Linux From Scratch anunciou o lançamento do LFS versão 11.0. A razão para o aumento do número da versão principal é que essa versão não usa mais o sistema split-user (divisão do usuário).

Ou seja, como a maioria das distribuições atuais, /bin é um link simbólico para /usr/bin. Da mesma forma, /lib e /sbin são links simbólicos para suas contrapartes /usr.

Outras mudanças importantes incluem atualizações do conjunto de ferramentas para GCC 11.2.0, glibc 2.34 e Binutils 2.37. O kernel do Linux também foi atualizado para a versão 5.13.12. No total, 40 pacotes foram atualizados desde o último lançamento.

Mudanças no texto também foram feitas ao longo do livro. Em coordenação com este lançamento, uma nova versão do LFS usando o pacote systemd também está sendo lançada.

Este pacote implementa o novo estilo systemd de inicialização e controle do sistema e é consistente com o LFS na maioria dos pacotes.

A página de notícias do projeto oferece mais detalhes sobre essa atualização.

Baixando o livro

Os livros LFS e BLFS podem ser visualizados on-line ou baixados no formato PDF nos seguintes endereços:
LFS (pkglist) – 11.0 (HTML)10.0 (PDF)
11.0-systemd (HTML)10.0-systemd (PDF),

BLFS (pkglist) – 11.0 (HTML)11.0-systemd (HTML).

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.