Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

MX Linux 21 AHS lançado com Kernel 5.14 e pilha gráfica mais recente

E foi lançado oficialmente o MX Linux 21 AHS com Kernel 5.14 e pilha gráfica mais recente. Confira as novidades e descubra onde baixar a distro.

O MX Linux, uma distribuição Linux orientada para desktop, baseada no ramo “estável” do Debian, é um empreendimento cooperativo entre as comunidades antiX e ex-MEPIS Linux.

Usando o Xfce como área de trabalho padrão, é um sistema operacional de peso médio projetado para combinar uma área de trabalho elegante e eficiente com configuração simples, alta estabilidade, desempenho sólido e tamanho médio.

Agora, os desenvolvedores do MX Linux lançaram hoje a edição AHS (Advanced Hardware Support) de sua distribuição MX Linux 21 mais recente com kernel e pilhas de gráficos mais recentes.

Novidades do MX Linux 21 AHS

MX Linux 21 AHS lançado com Kernel 5.14 e pilha gráfica mais recente
MX Linux 21 AHS lançado com Kernel 5.14 e pilha gráfica mais recente

MX Linux 21 Wildflower foi lançado oficialmente no mês passado em 21 de outubro como uma distribuição sem systemd baseada na última e melhor série de sistema operacional Debian Linux 11 Bullseye.

A nova versão está disponível com as edições Xfce, KDE Plasma e Fluxbox. Já a edição AHS apresenta o ambiente de desktop Xfce 4.16 por padrão.

Uma vez que é baseado no Debian Linux 11, o MX Linux 21 é alimentado pelo kernel Linux 5.10 LTS por padrão, mas os desenvolvedores fizeram uma versão especial para aqueles que precisam executar o MX Linux em seu hardware com uma versão do kernel mais recente, ou seja, Linux kernel 5.14.

Além disso, a edição AHS do MX Linux 21 apresenta uma pilha gráfica mais recente com versões mais recentes dos componentes Mesa, Vulkan e XOrg Server, bem como alguns aplicativos recompilados que utilizam a versão mais recente do kernel.

No entanto, esta edição especial não funciona bem com computadores com gráficos baseados em Intel ao usar suspend-to-ram ou quando você retoma da suspensão.

Como tal, os desenvolvedores recomendam que esses usuários fiquem com uma das edições padrão do MX Linux 21 com kernel Linux 5.10 LTS.

Segundo os desenvolvedores:

“O design do AHS é um pouco mais avançado e não tão testado quanto nossos lançamentos principais, e a ideia é que ele receberá atualizações na pilha de gráficos ao longo do tempo, para aqueles que não precisam dos gráficos de código aberto mais recentes pilha, não adianta usar AHS.”

Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse a nota de lançamento.

Baixe e experimente o MX Linux 21 AHS

A imagem ISO do MX Linux 21 AHS já pode ser baixada acessando a esse endereço

Verifique se a imagem ISO está corrompida

Antes de gravar a imagem ISO que você baixou, verifique se ela está corrompida usando o tutorial abaixo:
Como verificar se uma imagem ISO está corrompida

Como gravar uma imagem ISO no Linux

Quem precisar gravar a imagem ISO após o download, pode usar esse tutorial do blog:

Como gravar uma imagem ISO Usando o Nautilus
Como gravar uma imagem ISO usando o Terminal
Como criar um pendrive de instalação
Como criar um pendrive inicializável com GNOME Disks
Como criar um pendrive inicializável com o Etcher no Linux

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.