Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 6 – LXDE

O ambiente gráfico de hoje é voltado principlamente para computadores com pouco poder de processamento, algo que mesmo com a queda do preços desse tipo de equipamento, ainda é comum no Brasil. Outra característica dele que pode ser útil é o fato de sua aparência ser confortável para usuários que estão chegando do mundo Windows.

lxde

De acordo com o site oficial do ambiente: “O “Lightweight X11 Desktop Environment”, é um ambiente de área de trabalho extremamente rápido, ágil e poupador de energia. Ele é mantido por uma comunidade internacional de desenvolvedores e vem com uma bonita interface com o usuário, suporte a múltiplos idiomas, atalhos de teclado padrões e características adicionais, como um gerenciador de arquivos com navegação em abas. O LXDE exige menos da CPU e consome menos memória RAM. Ele é desenhado especialmente para computadores em nuvem com especificações de hardware limitadas, como netbooks, dispositivos móveis (ex.: MIDs) ou computadores antigos. ”

Mesmo que você não tenha um computador antigo ele também serve para seu PC moderno. Se quiser instalar esse ambiente, faça o seguinte:

Passo 1. Feche todos os seus aplicativos em execução;

Passo 2. Abra um terminal;

Passo 3. Atualize o Apt digitando o comando:

sudo apt-get update

Passo 4. Agora instale o ambiente com o comando:

sudo apt-get install lxde

Entenda melhor essa história:

Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 1 – Gnome Classic
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 2 – KDE Plasma ou Kubuntu
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 3 – MATE
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 4 – Xfce
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 5 – Cinnamon
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 6 – LXDE
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 7 – Gnome 3
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 8 – Razor-qt
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 9 – E17
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 10 – WindowMaker
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 11 – BlackBox
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 12 – Fluxbox
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 13 – Openbox
Não desinstale o Ubuntu, apenas mude a interface parte 15 – Awesome WM

12 COMMENTS

  1. Caro Amigo,

    Adorei esse ambiente gráfico, resolveu meu problema de um AMD Turion64, com 512 MB de RAM…. porém, estou com uma dificuldade, não estou conseguindo configurar uma VPN, tipo não consigo lançar o network manager.

    Por favor, se possível dar uma força para fazer essa configuração….
    Muito obrigado!!!!!

  2. Primeiramente, parabéns pelo seu blog. Simples e muito bom.

    Com relação aos ambientes gráficos, ainda não me decidi qual usar. Sugiro que você mostre também como “desinstalar” um ambiente, pois para mim que testo e não conheço bem o assunto, o único jeito tem sido instalar o UBUNTU, testar um ambiente e instalar de novo o UBUNTU para estar outro ambiente.

    Obrigado

    • Obrigado..

      Cada ambiente gráfico funciona parcialmente independente do outro, com isso, dificilmente um influenciará o outro..

      Para desinstalar, basta usar o mesmo comando de instalação trocando “install” por “remove”. Por exemplo, se você instalou com o comando “sudo apt-get install lxde” use “sudo apt-get remove lxde” para desinstalar.

  3. instalei hoje segui seu passo a passo como vç indicou deu tudo certo to usando ele agora, obrigado, so nao estou encontrando nem hum aplicativo que de suporte a web-cam no face … tem algum…????

  4. A única coisa que não gostei foi que ao teclar “super” não abre o menu. Em compensação no meu PC ficou cerca de 400MB a menos que o Unity no consumo de RAM, por isso quando preciso economizar bateria ou executar tarefas pesadas (jogos!) prefiro entrar pela interface lxde.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.