Como instalar o navegador Pale Moon no Linux manualmente

Já conhece o Pale Moon, um navegador que é o Firefox mais rápido que o Firefox? Pois se você quiser experimentar esse programa, veja a seguir como instalar o Pale Moon no Linux manualmente.

Pale Moon é um navegador multiplataforma e open source, baseado no Mozilla Firefox, sendo que ele é até 25% mais rápido do que o original.

Como instalar o navegador Pale Moon no Linux manualmente
Como instalar o navegador Pale Moon no Linux manualmente

Também vale a pena mencionar, que devido ao fato do Pale Moon não ser afiliado a Mozilla, ele não adotou a interface Australis e manteve uma aparência inspirada na interface do Firefox clássico.

Além disso, o suporte para DRM não foi adicionado por padrão, mas os usuários têm a possibilidade de fazer isso, através de plugins de terceiros.

Caso não aconteça problemas com dependências, com o procedimento abaixo você poderá instalar o Pale Moon em praticamente qualquer distribuição Linux.

Se você quiser instalar o Pale Moon usando o instalador oficial do projeto, veja esse outro tutorial:
Firefox otimizado: Instale o navegador Pale Moon no Linux

Infelizmente, Pale Moon utiliza uma versão bem antiga do Firefox. O que por um lado deixa o usuário sem os novos recursos, por outro, permite utilizar plugin que não são mais suportados pela versão mais recente do Firefox.

Para saber mais sobre essa versão, acesse a nota de lançamento.

Requisitos do Pale Moon em sistemas Linux

A construção principal do Pale Moon requer um processador que suporte o conjunto de instruções SSE2 e não seja executado em processadores que não o suportam.

Para verificar se o seu processador suporta SSE2, digite o seguinte no terminal:
grep -om1 sse2 /proc/cpuinfo

Se sse2 for exibido, o seu processador será suportado. Se não houver saída, o seu processador não suporta SSE2 e você precisará da compilação contribuída somente para SSE.

Requisitos de sistema para o Pale Moon:

  • Uma distribuição Linux moderna. O navegador pode não funcionar bem em versões antigas ou LTS do Linux.
  • 2 GB de RAM (recomendado 4 GB ou mais para uso pesado).
  • GTK 2.24 ou GTK 3.22+, dependendo da versão baixada. GTK4 não é compatível.
  • GLib 2.22 ou superior
  • Pango 1.14 ou superior
  • libstdc++ 4.6.1 ou superior

Como instalar o Pale Moon no Linux manualmente

Para instalar o Pale Moon no Linux, faça o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal;
Passo 2. Caso já tenha feito alguma instalação manual (e queira uma instalação limpa), apague a pasta, o link e o atalho anterior com esse comando;

sudo rm -Rf /opt/palemoon*
sudo rm -Rf /usr/bin/palemoon
sudo rm -Rf /usr/share/applications/palemoon.desktop

Passo 3. Confira se o seu sistema é de 32 bits ou 64 bits, para isso, use o seguinte comando no terminal:

uname -m

Passo 4. Se seu sistema é de 32 bits, use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome palemoon.tar.xz:

wget http://linux.palemoon.org/datastore/release/palemoon-28.16.0.linux-i686.tar.xz -O palemoon.tar.xz

Passo 5. Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar o programa. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome palemoon.tar.xz:

wget "https://www.palemoon.org/download.php?mirror=us&bits=64&type=linuxgtk2" -O palemoon.tar.xz

ou

wget "https://www.palemoon.org/download.php?mirror=us&bits=64&type=linuxgtk3" -O palemoon.tar.xz

Passo 6. Depois de baixar, execute o comando abaixo para descomprimir o pacote baixado, para a pasta /opt/;

sudo tar xvf palemoon.tar.xz -C /opt/

Passo 7. Renomeie a pasta criada (se ocorrer um erro na execução do comando abaixo, pule este passo);

sudo mv /opt/palemoon*/ /opt/palemoon

Passo 8. Para ficar mais fácil de executar o programa, crie um link para ele como o comando abaixo:

sudo ln -sf /opt/palemoon/palemoon /usr/bin/palemoon

Passo 9. Se seu ambiente gráfico atual suportar, crie um lançador para o programa, executando o comando abaixo;

echo -e '[Desktop Entry]\n Version=1.0\n Name=palemoon\n Exec=/opt/palemoon/palemoon\n Icon=/opt/palemoon/browser/icons/mozicon128.png\n Type=Application\n Categories=Application' | sudo tee /usr/share/applications/palemoon.desktop

Pronto! Agora, quando quiser iniciar o programa, digite pale em um terminal, seguido da tecla TAB.

Já se a sua distribuição suportar, coloque o atalho na sua área de trabalho usando o gerenciador de arquivos do sistema ou o comando abaixo, e use-o para iniciar o programa.

sudo chmod +x /usr/share/applications/palemoon.desktop
cp /usr/share/applications/palemoon.desktop  ~/Área\ de\ Trabalho/

Se seu sistema estiver em inglês, use este comando para copiar o atalho para sua área de trabalho:

cp /usr/share/applications/palemoon.desktop ~/Desktop

Para mais detalhes sobre essa tarefa, consulte esse tutorial:
Como adicionar atalhos de aplicativos na área de trabalho do Unity

Se quiser, você também pode usar o gerenciador de arquivos do sistema para executar o programa, apenas abrindo a pasta dele e clicando em seu executável.

Como deixar o Pale Moon em português do Brasil

Por padrão, esse navegador vem com a interface toda em inglês do Estados Unidos, por isso, para deixar o Pale Moon em português do Brasil, você deve fazer o seguinte:
Passo 1. Execute o Pale Moon e acesse esse link. Quando aparecer uma tela solicitando a instalação do pacote de linguagem, clique no botão “Install Now” e aguarde finalizar a instalação;

Como instalar o navegador Pale Moon no Linux manualmente

Passo 2. Depois que terminar a instalação, clique dentro da caixa de endereço do Pale Moon, digite o comando “about:config” (sem as aspas) e pressione a tecla enter;

clique dentro da caixa de endereço do Pale Moon

Passo 3. Na tela que será exibida, clique dentro da caixa do campo “Search” e digite “general.useragent.locale” (também sem as aspas);

clique dentro da caixa do campo Search

Passo 4. A seguir, dê um clique duplo sobre o valor “en-US”. Na tela janela que aparece, substitua “en-US” por “pt-BR” (sem as aspas) e clique no botão “OK”;

clique no botão OK

Passo 5. Feche o navegador e quando você iniciar ele novamente, sua interface já estará em português do Brasil.

Como remover o Pale Moon no Linux

Para remover o Pale Moon no Linux, basta apagar a pasta, o link e o atalho anterior com esses comandos:

sudo rm -Rf /opt/palemoon*
sudo rm -Rf /usr/bin/palemoon
sudo rm -Rf /usr/share/applications/palemoon.desktop
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Bloqueador de anúncios detectado!!!

Nosso site precisa de publicidade para existir. Por favor, insira-o na lista de permissões/lista branca para liberar a exibição de anúncios e apoiar nosso site. Nosso conteúdo é GRATUITO, e tudo o que pedimos é isso!
Powered By
100% Free SEO Tools - Tool Kits PRO