Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

OBS Studio 26.1.1 torna possível gravar sessões Wayland nativamente

Foi lançado o OBS Studio 26.1.1, que torna possível gravar sessões Wayland nativamente. Confira as novidades dessa atualização e veja como instalar no Linux.

Open Broadcaster é um software de código aberto e multiplataforma (disponível para Linux, Microsoft Windows e Apple OS X), que permite gravar as atividades da área de trabalho e compartilhá-los ao vivo na web.

Existem muitos programas para capturar e gravar o que acontece na tela do computador para Linux. Até algumas ferramentas para criar GIFs ou mostrar o que acontece no terminal. Mas se houver um programa completo com opções avançadas para profissionais, o OBS Studio.

OBS Studio é um programa completo de gravação e streaming de vídeo.

Ele é ideal tanto para gravar tudo que acontece na tela de cursos, tutoriais, fazer upload para plataformas como o YouTube, ou também transmitir o que você faz ao vivo.

O software OBS Studio é de código aberto e gratuito. Um programa completo de streaming de software e captura de vídeo disponível para várias plataformas. É o usado por alguns youtubers, professores ou aqueles que fazem transmissões ao vivo no Twitch.

Um software profissional muito completo e totalmente gratuito, com uma versão compatível com GNU / Linux como você já sabe.

Esse incrível programa pode ser usado para fazer tutoriais em vídeo e compartilhá-los no YouTube Live, Twitch TV, DailyMotion e etc. Com ele você pode capturar o desktop inteiro ou apenas uma janela, importar vídeo de uma placa de captura e adicionar imagens ou texto.

Agora, acaba de ser anunciado o lançamento do OBS Studio 26.1.1.

Novidades do OBS Studio 26.1.1

OBS Studio 26.1.1 torna possível gravar sessões Wayland nativamente
OBS Studio 26.1.1 torna possível gravar sessões Wayland nativamente

Para o bem e para o mal, o Linux é muito diferente do macOS e do Windows. Existem muitas opções, como diferentes servidores de áudio e vídeo, e a última versão deste “Studio” introduziu uma novidade a esse respeito: OBS Studio 26.1.1 agora pode gravar sessões de Wayland.

E isso veio muito antes do lançamento do OBS Studio 26.1.1, essa possibilidade está disponível a partir do dia 30 de março, ou pelo menos nativamente e com suporte total.

Conforme explicam, o caminho para alcançar essa façanha não foi curto nem fácil, mas tudo ficou mais fácil com o apoio da comunidade.

Nas notas do OBS Studio 26.1.1 eles também mencionam que cada vez mais ambientes importantes estão adicionando suporte para Wayland, como GNOME ou KDE, tanto que o último está trabalhando para incluí-lo como uma opção padrão.

É importante citar que o projeto diz que tudo está preparado para funcionar melhor na versão Flatpak. Embora alguns pensem que tudo é igual nas versões do repositório, a realidade é que não é.

Na verdade, e por exemplo, o GNOME Boxes de repositório nos permitem adicionar drives externos e Flatpak não, enquanto o do Flatpak pode rodar GNOME OS sem problemas e o dos repositórios falham (e não permite remover a caixa se não for com um comando).

Em qualquer caso, este é um passo importante que foi dado olhando para o futuro e agora muito mais pessoas e em muitos outros cenários poderão usar o OBS Studio.

Então, para saber mais sobre essa versão do OBS Studio, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar

Para instalar o OBS Studio 26.1.1 nas principais distribuições Linux, use esse tutorial:
Como instalar o Open Broadcaster no Linux via Flatpak
Como instalar o Open Broadcaster no Linux via Snap
Como instalar o Open Broadcaster no Ubuntu e derivados

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.