Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Proton já permite executar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux

Os números são bons: Proton já permite executar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux. Confira os detalhes dessas números.

O Proton já permite executar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux. Mesmo título, mais mil jogos. Isso foi o quanto a Proton avançou de um ano para cá. Um pouco menos, na verdade.

Proton já permite executar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux

Proton já permite executar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux
Proton já permite executar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux

A questão subjacente, no entanto, é que jogar no Linux é uma atividade cada vez mais suportada e, embora para o jogador de volume e espinha possa não ser suficiente, é para a grande maioria dos mortais.

Como você sabe, Proton é o nome do componente técnico do Steam Play, a camada de compatibilidade que integra o cliente Steam para Linux (e macOS) baseado no Wine que permite executar jogos do Windows no Linux.

Um componente cujo desenvolvimento não parou nos últimos anos e cujos frutos cada vez mais usuários podem desfrutar. A novidade desta vez é que a barreira dos 7.000 títulos foi superada.

E mais: quando dizemos que o Proton já permite rodar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux, queremos dizer rodá-los com garantias de bom desempenho e estabilidade, senão no nível nativo do Windows, com qualidade suficiente para compensar em muitos casos Livrar-se do dual boot ou de ter que entrar no Windows para continuar o jogo.

O número total de relatórios de usuários chega a quase 15.000 jogos.

Proton já permite executar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux
Proton já permite executar mais de 7.000 jogos do Windows no Linux

Os dados foram extraídos do ProtonDB e as notícias são coletadas do Boiling Steam, onde seguem essas informações prontamente.

Eles dizem que todos os meses cerca de 100 novos títulos são geralmente adicionados ao ‘catálogo’ da Proton com a marca de mais alta qualidade (Platinum), então pode-se dizer que o crescimento é “saudável e constante”.

Na verdade, dos novos jogos que estão sendo lançados para Windows, menos de 20% nem sequer inicia.

Além disso, esses 7.000 jogos são aqueles que foram verificados de forma confiável que funcionam no nível exigido, mas pode haver muitos mais que funcionam bem e que, por não terem atraído a atenção da comunidade Proton, não foram adicionados ao Lista.

Mas nem tudo é rosa, é verdade: ainda há problemas com multiplayer e outros jogos devido às proteções anti-cheat e DRM, dependendo das tecnologias utilizadas no desenvolvimento podem funcionar melhor ou pior no Linux, como podem em relação ao hardware disponível…

Mas se eles nos contassem isso há cinco anos, muitos não teriam acreditado.

E se somarmos a isso que os jogos nativos continuam a sair e que as plataformas de streaming estão em alta e você só precisa de um navegador para se conectar e jogar até mesmo com a equipe mais modesta – desde que a conexão acompanhe, é claro…

Podemos resumir que as coisas estão indo bem.

E isso é só o começo, porque os avanços de compatibilidade também não param de chegar.

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.