PulseAudio 12 lançado com melhorias no suporte a AirPlay e A2DP

Confira as novidades do lançamento do PulseAudio 12!

Foi lançado o PulseAudio 12 com melhorias no suporte a AirPlay e A2DP, além de vários outras aprimoramentos e novos recursos. Confira as novidades dessa importante atualização.


em Linux é algo bastante complexo, mas basicamente, tudo interage com o servidor de Pulse Audio.
PulseAudio 12 lançado com melhorias no suporte a AirPlay e A2DP
PulseAudio 12 lançado com melhorias no suporte a AirPlay e A2DP

Se você ainda não conhece, o PulseAudio é um programa de servidor de som distribuído através do projeto freedesktop.org. Ele é executado principalmente nas várias distribuições Linux e BSD. Em resumo, quando você ouve qualquer áudio sair do seu laptop/Desktop, o PulseAudio é responsável por esse processo.

Novidades do PulseAudio 12

Os destaques do PulseAudio 12 incluem melhores relatórios de latência com o Bluetooth A2DP, que também melhora a sincronia A/V, relatórios de latência mais precisos em AirPlay, a capacidade de priorizar saída HDMI sobre saída S/PDIF, suporte a HSP para mais headsets Bluetooth e a capacidade de desabilitar entrada e saída no macOS.

O PulseAudio 12 também adiciona suporte para a saída estéreo de headset Steelseries Arctis 7 USB e Thunderbolt Dock TB16 da Dell, uma nova opção “dereverb” que pode ser usada para o cancelador de eco Speex, um novo módulo sempre de origem, melhor detecção de Native Instrumentos Traktor Audio 6 e melhor suporte de entrada digital para várias placas de som USB.

Os usuários que atualizarem seus sistemas para o PulseAudio 12 também poderão escolher o perfil Bluetooth A2DP por padrão em vez de HSP, usar o driver Intel HDMI LPE, que agora funciona bem com o sistema de som que não causa mais problemas de CPU ou falhas, bem como para definir o bit “não-áudio” ao usar passagem de áudio para arquivos compactados.

Um novo argumento de módulo “sink_input_properties” foi incluído também para o módulo module-ladspa-sink e o PulseAudio 12 atualiza o módulo module-augment-properties para usar XDG_DATA_DIRS para localizar arquivos .desktop, o módulo module-pipe-sink para usar pipets, e o modulo module-switch-on-connect, que agora ignora os dispositivos virtuais.

Por último, mas não menos importante, o PulseAudio 12 torna os arquivos de estado ilegíveis para todos os usuários no modo de sistema, não fornece mais a ferramenta esdcompat se o suporte esound estiver desativado, conecta o componente qpaeq ao Qt 5 e altera sua licença de AGPL para LGPL e traz compatibilidade as últimas ligações Vala e GNU C Library 2.27, evitando a dependência do GConf.

Para saber mais detalhes dessa versão, leia a nota de lançamento.

Como atualizar para PulseAudio 12

Por ser um importante e complexo componente de sistema, não é tão simples atualizar o PulseAudio manualmente. Felizmente, é possível que em breve ele apareça nas atualizações de sistema das principais distribuições Linux e BSD.

Portanto, mantenha seus sistema atualizado que logo você já poderá estar utilizando essa versão do PulseAudio.

O que está sendo falado no blog




blog comments powered by Disqus