Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Samsung confirmou que o ray tracing está chegando às GPUs Exynos

E a Samsung confirmou que o ray tracing está chegando às GPUs Exynos. Confira os detalhes dessa ótima novidade e o impacto dela no mobile.

A Samsung tem trabalhado com a AMD para trazer gráficos Radeon para os chips Exynos usados ​​em muitos dos smartphones e tablets da empresa e, embora a Samsung tenha estado bastante quieta sobre a parceria nos últimos anos, neste mês de junho a CEO da AMD Lisa Su prometeu que o “próximo SoC carro-chefe” da Samsung apresentaria gráficos AMD RDNA 2 com suporte para recursos como traçado de raio.

Agora, a Samsung confirmou que sua próxima geração de chips Exynos vai de fato suportar a tecnologia ray tracing.

Samsung confirmou que o ray tracing está chegando às GPUs Exynos

Samsung confirmou que o ray tracing está chegando às GPUs Exynos
Samsung confirmou que o ray tracing está chegando às GPUs Exynos

Em uma postagem no serviço de mídia social chinês Weibo (algumas horas após o vazamento do Ice Universe), a Samsung explica que o rastreamento de raios envolve “calcular a posição da luz e a área refletida” para efeitos de iluminação mais realistas quando se trata de coisas como água, sombra ou superfícies brilhantes em jogos.
Samsung confirmou que o ray tracing está chegando às GPUs Exynos
Samsung confirmou que o ray tracing está chegando às GPUs Exynos

É um recurso que se tornou comum em placas de vídeo de alta tecnologia para desktops e laptops nos últimos anos, mas os novos chips da Samsung seriam os primeiros a oferecer suporte a rastreamento de raios para telefones e tablets Android… presumindo que esse seja o mercado pretendido pela empresa para os novos processadores Exynos.

Também é possível que a Samsung planeje segmentar Chromebooks ou Windows em PCs ARM.

A Samsung não está falando muito sobre as especificações reais de seu futuro processador Exynos/RDNA, mas a empresa compartilhou uma imagem mostrando… muito pouco.

Em uma comparação lado a lado, uma imagem mostra um tanque passando por um incêndio com um prédio em chamas ao fundo, enquanto outra imagem mostra a mesma cena, mas com a luz do fogo iluminando o fundo do tanque e as laterais do construção.

Por alguma razão, a Samsung também adicionou um carro em chamas à segunda imagem, que está faltando na primeira.

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.