Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Stellarium 0.21.0 lançado com Lunar Libration e muito mais

Foi lançado o Stellarium 0.21.0 com Lunar Libration e muito mais. Confira as novidades e veja com instalar essa atualização no Linux.

O Stellarium é um software livre escrito em C e C++ que permite simular um planetário no computador.

Disponível para Linux, Windows e Mac OS X, ele usa OpenGL para renderizar uma projeção realista do céu noturno em tempo real, assim como o que você vê a olho nu, com binóculos ou telescópio.

Além disso, o programa possui um catálogo padrão de mais de 600.000 estrelas e um catálogo extra com mais de 210 milhões de estrelas, asterismos e ilustrações das constelações, constelações de 19 culturas diferentes, imagens de nebulosas (catálogo completo Messier), uma visão realista da Via Láctea, atmosfera muito realista, nascer e pôr do sol, os planetas e seus satélites.

Stellarium permite calcular a posição do Sol, da Lua, planetas, constelações e estrelas. Ele também permite simular diferentes fenômenos astronômicos, como chuvas de meteoros e eclipses lunares e solares.

Agora, o software de planetário gratuito e de código aberto Stellarium 0.21.0 foi lançado.

Novidades do Stellarium 0.21.0

Stellarium 0.21.0 lançado com Lunar Libration e muito mais
Stellarium 0.21.0 lançado com Lunar Libration e muito mais

Stellarium 0.21.0 completou o trabalho em eixos planetários precisos, incluindo a libração lunar. Ele também apresenta a visualização da sombra da Terra para eclipses lunares, os algoritmos mais recentes para magnitudes de planetas.

Os planetas agora são escalonáveis ​​e o brilho solar alternável para aplicações didáticas.

Outras mudanças no Stellarium 0.21.0 incluem:

  • Melhor textura para a superfície lunar.
  • Plug-in de calendários aprimorado.
  • Substituído “árabe” por skyculture “al-Sufi” mais preciso.
  • Adicionadas linhas para o plano invariável e o equador solar projetado.
  • Adicionada altitude solar à nomenclatura de recursos planetários.
  • Adicionada nova textura 4k para a Lua (necessário reequilibrar o brilho do sombreamento do planeta)
  • Adicionados mais pontos cardeais.
  • Adicionada uma nova cultura do céu baseada em Al-Sufi “Livro das Estrelas Fixas” escrito~964 DC.
  • Adicionados antigos calendários hindus
  • Adicionado calendário islâmico (algorítmico) e hebraico.
  • Adicionado calendário da Revolução Francesa (versão aritmética)
  • Adicionado calendário persa (aritmético)

Para saber mais sobre essa versão do Stellarium, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar

Para instalar a versão mais recente do Stellarium nas principais distribuições Linux, use esse tutorial:
Como instalar o planetário Stellarium no Linux via Flatpak
Como instalar o planetário Stellarium no Ubuntu e derivados
Como instalar o planetário Stellarium no Linux via Snap

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.