Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Tux Paint 0.9.26 lançado com novas ferramentas mágicas

E foi lançado o Tux Paint 0.9.26 com novas ferramentas mágicas e muito mais. Confira as novidades e veja como instalar no Linux.

Tux Paint é voltado para crianças de 3 a 12 anos e foi inicialmente criado para funcionar no sistema operacional GNU/Linux, já que não existiam aplicativos de desenho semelhantes para crianças naquela época.

Ele é escrito na linguagem de programação C e usa várias bibliotecas auxiliares gratuitas.

O Tux Paint se destaca de outros programas de edição gráfica (como GIMP ou Photoshop) por ter sido projetado para ser utilizado por crianças a partir dos três anos de idade.

A interface do usuário é intuitiva e usa ícones, comentários audíveis e sugestões de texto para explicar como o programa funciona. Além disso, os efeitos sonoros e o mascote (Tux, do Linux) visam envolver as crianças.

A interface de usuário do Tux Paint é dividida em cinco painéis:

  • Barra de ferramentas, incluindo algumas ferramentas básicas como pintar ou desenhar linhas, bem como controles como desfazer, salvar, sair ou imprimir.
  • Canvas, o espaço para desenhar e editar imagens.
  • Paleta de cores, com 17 cores predefinidas mais a opção de escolher uma personalizada.
  • Seletor, fornecendo vários objetos selecionáveis ​​(por exemplo, pincéis, tipografia ou subferramentas, dependendo da ferramenta atual).
  • Área de informações com instruções e sugestões.

Agora, há poucos dias foi anunciado o lançamento da nova versão do Tux Paint 0.9.26, que vem com algumas melhorias nas ferramentas de desenho, além de melhorias no teclado na tela e na exportação de imagens.

Novidades do Tux Paint 0.9.26

Tux Paint 0.9.26 lançado com novas ferramentas mágicas
Tux Paint 0.9.26 lançado com novas ferramentas mágicas

Quase seis meses em funcionamento, o Tux Paint 0.9.26 apresenta novas ferramentas de Magic como “Checkerboard”, que permite que as crianças preencham uma tela inteira com um padrão de verificação, “Clone”, que ajuda as crianças a duplicar partes de uma imagem usando pinceladas, e “Pixels”, que torna mais fácil para seus filhos criarem pixel art no estilo retro de jogos.

O Tux Paint 0.9.26 também aprimora a ferramenta Preenchimento com duas novas opções que permitem que seus filhos preencham uma área com gradientes de cor.

O primeiro é “Linear”, que suporta a criação interativa de gradientes de diferentes ângulos e tamanhos, e o segundo é “Radial”, que cria um gradiente circular centralizado em torno do clique do mouse.

Todas as ferramentas de preenchimento foram atualizadas nesta versão para lidar melhor com o preenchimento em torno das bordas suavizadas e aplicar alguma mistura.

Outro destaque no Tux Paint 0.9.26 são os botões da interface, que foram aumentados, a ferramenta mágica Halftone foi aprimorada para carregar corretamente com seu arquivo de efeito de som, uma nova função xorpixel() foi adicionada à API Magic Tools e o Tux Paint agora criará o pai de um diretório de exportação se ele não existir.

Várias novas opções de acessibilidade também estão presentes no Tux Paint 0.9.26, uma das quais permite que seus filhos ampliem toda a interface do usuário se tiverem problemas de visão.

Outra nova opção de acessibilidade permite que as crianças reorganizem a paleta de cores, o que pode ser útil se usarem dispositivos de entrada grosseiros.

Uma documentação de usuário atualizada também está incluída no novo lançamento do Tux Paint, tornando a localização mais fácil para aqueles que desejam traduzir o software em seu idioma nativo, junto com traduções atualizadas de albanês, catalão, galego, islandês e occitano.

Por fim, para saber mais sobre essa versão do Tux Paint, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar

Para aqueles que estão interessados ​​em poder instalar este aplicativo em seu sistema, eles podem fazê-lo seguindo as instruções que compartilhamos abaixo.

Em geral, para Ubuntu e derivados, o aplicativo está dentro dos repositórios oficiais de sua distribuição, mas não na versão mais recente.

É por isso que aqueles que desejam instalar a versão mais recente a partir dos repositórios de sua distribuição devem esperar que ela esteja disponível.

Agora, para quem deseja instalar a nova versão do Tux Paint 0.9.25 de forma simples e sem ter que recorrer à compilação do código-fonte, pode fazê-lo com a ajuda de pacotes Flatpak.

Para instalar a versão mais recente do Tux Paint nas principais distribuições Linux, use esse tutorial:
Como instalar o app de desenho Tux Paint no Linux via Flatpak

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.