O Ubuntu MATE abandonará o suporte a 32 bits a partir da versão 18.10

Confira os detalhes do anúncio de que Ubuntu MATE abandonará o suporte a 32 bits a partir da versão 18.10!

O líder do projeto Ubuntu MATE, Martin Wimpress, anunciou que Ubuntu MATE abandonará o suporte a 32 bits a partir da versão 18.10. Com isso, já na próxima versão do Ubuntu MATE (a 18.10) não será disponibilizada uma imagem ISO de 32 bits (i386) do sistema. Confira os detalhes dessa mudança.


Quando o Ubuntu decidiu abandonar o suporte para instalações de 32 bits, todos os sabores oficiais, incluindo Kubuntu, Xubuntu, Ubuntu, Ubuntu Studio, Ubuntu Kylin e Ubuntu MATE decidiram ainda oferecer ISOs de 32 bits, mas parece que isso irá mudar em breve.

O Ubuntu MATE abandonará o suporte a 32 bits a partir da versão 18.10
O Ubuntu MATE abandonará o suporte a 32 bits a partir da versão 18.10

O Ubuntu MATE abandonará o suporte a 32 bits a partir da versão 18.10

Seguindo os passos do Ubuntu, o sabor oficial do Ubuntu MATE irá abandonar o suporte para instalações de 32 bits com o lançamento do 18.10, que deve chegar em outubro. Com isso, será lançada apenas uma imagem ISO de 64 bits do Ubuntu MATE 18.10.

Sobre a mudança, Martin Wimpress, o líder do projeto, disse o seguinte:

“Após o lançamento bem-sucedido do Ubuntu MATE 18.04 LTS na semana passada, o ciclo de desenvolvimento para 18.10 foi aberto. Tomamos a decisão de parar de fazer imagens i386 (32-bit Intel), começando com o Ubuntu MATE 18.10,”

A decisão de descartar imagens ISO de 32 bits foi tomada porque menos de 10% dos usuários do Ubuntu MATE estão usando o sistema operacional em máquinas antigas de 32 bits, e muitos deles realmente instalam a variante i386 do Ubuntu MATE em computadores de 64 bits (amd64).

Instalações de 32 bits existentes ainda serão suportadas

O Ubuntu MATE é agora o primeiro a dar um passo no sentido de eliminar o suporte para instalações de 32 bits, não oferecendo mais ISOs de 32 bits a partir do Ubuntu MATE 18.10.

Diante desse movimento, alguns outros sabores possivelmente seguirão o mesmo caminho. Kubuntu provavelmente? O Ubuntu Budgie já confirmou que fará o mesmo a partir da versão 18.10.

É claro que ainda existirão algumas versões oficiais do Ubuntu que serão suportadas em máquinas antigas de 32-bit por um longo tempo, incluindo o Xubuntu e o Lubuntu.

Apesar de parecer uma mudança radical, as instalações de 32 bits existentes ainda serão suportadas por algum tempo.

No caso do Ubuntu MATE, o recém-lançado sistema operacional Ubuntu MATE 18.04 LTS (Bionic Beaver) continuará a receber imagens ISO de 32 bits ao longo de seu ciclo de vida, que serão concluídas por volta de abril de 2021.

Martin Wimpress afirmou que a equipe do Ubuntu MATE concentrará seus esforços em oferecer melhor suporte para dispositivos ARM como o Raspberry Pi, em vez de construir imagens ISO para máquinas antigas de 32 bits que estarão se extinguindo em breve.

O que está sendo falado no blog