Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

WireGuard VPN foi adicionado ao código do kernel Linux do Android 12

Boa notícia para quem quer mais segurança, o WireGuard VPN foi adicionado ao código do kernel Linux do Android 12. Confira os detalhes dessa novidade.

Este é um ano atípico, pois a COVID-19 mudou totalmente a maneira como vivemos nossas vidas. Muitas empresas estão operando em casa e a necessidade de uma conexão de Internet boa e segura aumentou mais do que nunca.

Mas por que “internet segura”? Porque muitos de nós não queremos que nosso provedor de serviços de Internet saiba o que estamos fazendo e acompanhe suas atividades.

Agora, após a adição do WireGuard VPN ao kernel Linux 5.6, o Google o adicionou à árvore do Kernel 5.4 do Android 12.

WireGuard VPN foi adicionado ao código do kernel Linux do Android 12

WireGuard VPN foi adicionado ao código do kernel Linux do Android 12
WireGuard VPN foi adicionado ao código do kernel Linux do Android 12

Para começar, o WireGuard VPN é um protocolo VPN de última geração construído em padrões de criptografia modernos para garantir a segurança da Internet.

A notícia chegou quando o pessoal do XDA descobriu novos commits para a árvore do Android 12-5.4. Incluídos nesses commits estavam o protocolo VPN WireGuard e a opção de habilitá-lo no Android Kernel.

O commit foi descrito como “adicionar suporte de kernel nativo para uma VPN sã” e foi adicionado por um dos desenvolvedores mais renomados, Greg KH.

Deve-se notar que os primeiros dispositivos a oferecer suporte à VPN da WireGuard serão aqueles que vêm com o Android 12 em 2021, rodando o kernel Linux versão 5.4.

No entanto, a iteração anterior dos dispositivos principais também terá esse recurso assim que o OEM atualizá-los para o Android 12 com as versões de kernel 4.19 ou 5.4.

O Google também precisa adicionar APIs à interface junto com o módulo do kernel antes que os usuários possam usar a VPN; O Google pode começar a trabalhar no mesmo muito em breve.

Se você possui um Pixel, pode tirar proveito dessa aceleração de kernel instalando-o fazendo o root em seu dispositivo.

Se você estiver no cenário de desenvolvimento Android, pode experimentar kernels personalizados para o seu dispositivo com suporte WireGuard do XDA.

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.