XFCE 4.14 lançado com novos recursos e um modo Não perturbe

Confira as novidades do lançameto do XFCE 4.14!

E foi lançado oficialmente o 4.14 com novos e um modo Não perturbe. Confira as novidades dessa importante desse ambiente peso pena.

XFCE é um ambiente de trabalho gráfico livre, que é executado sobre o sistema de janelas X em sistemas Unix, seus derivados e Linux.

XFCE 4.14 lançado com novos recursos e um modo Não perturbe
XFCE 4.14 lançado com novos recursos e um modo Não perturbe

O objetivo do Xfce é ser rápido e leve, enquanto ainda é visualmente atraente e fácil de usar e incorpora a filosofia UNIX tradicional de modularidade e reutilização.

O Xfce costumava ser um ambiente gráfico leve, até que começou a se tornar pesado, talvez por causa das novidades que foram adicionadas sem focar no polimento das coisas.

Mas o mais estranho é que o Xfce não recebeu novidades importantes desde sua versão 4.12, lançada em 2015.

Ou, bem, não as recebeu, porque agora o Xfce 4.14 foi oficialmente lançado com muitas mudanças. O lançamento chegou depois de 4 anos e 5 meses de trabalho.

Novidades do XFCE 4.14

O principal objetivo desta versão foi portar todos os componentes principais para o GTK3 (do GTK2) e GDBus (do D-Bus GLib). A maioria dos componentes também recebeu de introspecção do GObject.

Por outro lado, aprimoraram a experiência do usuário, introduzindo novos recursos e melhorias enquanto corrigiam bugs.

O Xfce 4.14 recebeu muitas melhorias importantes, das quais podemos destacar:

O gerenciador de janelas recebeu muitas atualizações e recursos, incluindo suporte para VSync, suporte para HiDPI, suporte aprimorado a GLX com drivers NVIDIA proprietários ou suporte para XInput2.

O painel recebeu suporte para a função do monitor principal RandR e o agrupamento de janelas no plug-in da lista de tarefas foi aprimorado.

A área de trabalho também suporta a função do monitor principal RandR, uma opção de orientação para o arranjo de ícones, opção de menu de contexto “Próximo plano de fundo” para avançar o papel de parede e agora sincroniza a seleção do papel de parede do usuário com o serviço de contas.

Eles adicionaram uma opção para ativar a escala da janela do GTK na caixa de diálogo de aparência e também uma opção de fonte monoespacial. No entanto, eles abandonaram as visualizações de tópicos, pois não produziram resultados consistentes com o GTK3.

Enquanto eles decidiram remover as telas de boas vindas do gerenciador de sessão, eles adicionaram muitos recursos e correções.

Entre eles estão o suporte de suspensão híbrida, as melhorias no login padrão que evita condições de corrida, uma função para adicionar e editar entradas de início automáticas, um botão de mudança de usuário na caixa de diálogo de fechamento.

Seletores de sessão e sessão aprimorados e caixas de diálogo de configuração (o último com uma nova guia mostrando as sessões salvas).

Além disso, os comandos agora podem ser executados não apenas “estilo de inicialização automática” no momento do login, mas também quando o computador é suspenso, a sessão é fechada etc.

Finalmente, os aplicativos GTK agora são gerenciados por sessão através do DBus e os protetores de tela também se comunicam com o DBus.

Thunar recebeu muitas funções e correções. Entre as mudanças visíveis estão a barra de caminho completamente revisada, o suporte a miniaturas maiores e o suporte para um arquivo “folder.jpg” que altera o ícone da pasta (por exemplo, para capas de álbuns de música).

Usuários avançados também notarão navegação de teclado aprimorada (zoom, navegação de aba). O gerenciador de volume Thunar obteve suporte do Bluray.

O mecanismo de pesquisa de aplicativos agora pode ser aberto opcionalmente como uma única janela e agora pode ser navegado mais facilmente somente com o teclado.

O gerenciador de energia recebeu muitas correções de bugs e alguns recursos menores, incluindo suporte para o botão XF86Battery e o novo protetor de tela xfce4.

O add-on do painel também viu várias melhorias: ele agora pode, opcionalmente, exibir o tempo e/ou a porcentagem restante e agora depende dos nomes de ícone padrão do UPower para trabalhar com temas de ícone mais prontos para uso.

Com o LXDE se movendo para uma base QT, o complemento do painel LXDE foi removido.

Novidades em aplicativos

O serviço de notificação recebeu suporte para persistência, em outras palavras: registro de notificações e um modo “Não perturbe”, que suprime todas as notificações.

Foi criado um novo complemento de painel que mostra notificações perdidas (especialmente útil durante o modo “Não perturbe”) e fornece acesso rápido ao modo “Não perturbe”.

Finalmente, o suporte foi adicionado para mostrar as notificações no monitor RandR primário.

A Parole recebeu suporte aprimorado para transmissões de rede e podcasts, bem como um novo “mini modo” e a escolha automática do melhor back-end de vídeo disponível. Além disso, agora também inibir

Para saber mais sobre essa versão do XFCE, acesse a nota de lançamento.

Como instalar o XFCE 4.14

Como se trata de um ambiente gráfico, a melhor forma de obter essa nova versão é aguardando uma atualização do sistema que traga ele.

Além disso, novas versões das principais distribuições Linux, certamnte virão com o XFCE 4.14.

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Ajude a manter o Blog do Edivaldo - Faça uma doação

Se você gosta do conteúdo do Blog, você pode ajudar a manter o site simplesmente fazendo uma doação única, esporádica ou mensal, usando uma das opções abaixo:

Doação usando Paypal

Doação usando PagSeguro
Outras formas de ajudar a manter o Blog do Edivaldo