Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Xubuntu 20.10 oficializa seu lançamento, com o Xfce 4.16

E quatro dias depois, o Xubuntu 20.10 oficializa seu lançamento, com o Xfce 4.16. Conheça mais um pouco sobre ela e descubra onde baixar a distro.

Xubuntu é um sistema operacional desenvolvido pela comunidade, baseado no Ubuntu. Ele vem com o Xfce, que é um ambiente de desktop estável, leve e configurável.

Ou seja, o Xubuntu é uma distribuição Linux fácil de usar, baseada no ambiente de desktop do Xfce e no sistema operacional Ubuntu.

Recentemente, Xubuntu 20.10 foi lançado com componentes atualizados e vários novos recursos, como parte dos lançamentos da série de sistemas operacionais Ubuntu 20.10.

Não me pergunte o que aconteceu porque eu pessoalmente não sei. Os lançamentos oficiais do Ubuntu ocorrem em três etapas:

  • Na primeira, podemos atualizar a partir do terminal;
  • No segundo, as novas ISOs são carregadas no servidor da Canonical;
  • E na terceira, o site de cada sabor é atualizado, oficializando o lançamento.

Todos os sabores foram lançados oficialmente entre 22 e 23 de outubro (Kylin), menos o Xubuntu 20.10 Groovy Gorilla, que só foi anunciado quatro dias depois.

Mas ei, aconteça o que acontecer, o Xubuntu 20.10 está disponível para download desde o dia 22 da tarde.

A diferença da novidade de hoje é que eles atualizaram seu site e publicaram a nota de lançamento, mas sem muitas informações relevantes sobre esse desembarque.

Novidades do Xubuntu 20.10

Xubuntu 20.10 oficializa seu lançamento, com o Xfce 4.16
Xubuntu 20.10 oficializa seu lançamento, com o Xfce 4.16

Xubuntu 20.10, codinome Groovy Gorilla, é uma versão regular e terá suporte por 9 meses, até julho de 2021. Sabemos que a nova versão do sabor Ubuntu com ambiente Xfce veio com algumas mudanças, como as que você tem abaixo destas linhas.

Enfim, estes são os destaques do Xubuntu 20.10 Groovy Gorilla:

  • Kernel 5.8.
  • Eles não mudaram o papel de parede (ou aquele).
  • Suportado por 9 meses, até julho de 2021.
  • Xfce 4.16, onde a maioria das notícias mais importantes são baseadas. Entre eles, é mais personalizável do que as versões anteriores.
  • Correções para problemas encontrados em 20.04 Focal Fossa.
  • Pacotes atualizados para versões mais atualizadas, como o Firefox 81 que em breve será atualizado para o navegador da web v82.

É mais do que provável que haja mais mudanças que não mencionamos aqui, mas é difícil falar sobre elas se o próprio projeto Xubuntu não menciona uma lista decente de novidades.

Em qualquer caso, o lançamento do Xubuntu 20.10 Groovy Gorilla já é oficial, embora tenha sido feito com um pequeno atraso.

Se você é usuário de sistema operacional com ambiente Ubuntu’s Xfce e encontra novidades marcantes, não hesite em comentar e deixar suas impressões.

Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse a nota de lançamento.

Confira os detalhes das novidades dessa atualização nesse outro artigo:

Conheça os novos recursos do Ubuntu 20.10 Groovy Gorilla

Para mais detalhes, a nota de lançamento do Ubuntu 20.10 podem ser encontrada nesse endereço:
Notas de lançamento do Ubuntu

Baixe e experimente o Xubuntu 20.10

A imagem ISO do Xubuntu 20.10 já pode ser baixada acessando a página de download da distribuição.
Ou se preferir, acesse os links abaixo diretamente:

Verifique se a imagem ISO está corrompida

Antes de gravar a imagem ISO que você baixou, verifique se ela está corrompida usando o tutorial abaixo:
Como verificar se uma imagem ISO está corrompida

Como gravar uma imagem ISO no Linux

Quem precisar gravar a imagem ISO após o download, pode usar esse tutorial do blog:

Como gravar uma imagem ISO Usando o Nautilus
Como gravar uma imagem ISO usando o Terminal
Como criar um pendrive de instalação
Como criar um pendrive inicializável com GNOME Disks
Como criar um pendrive inicializável com o Etcher no Linux

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.