Abandono do suporte a 32 bits no Ubuntu afetou o projeto Wine

Entenda como o abandono do suporte a 32 bits no Ubuntu afetou o projeto Wine!

O abandono do suporte a 32 bits no Ubuntu afetou o projeto Wine. A mudança que a Canonical quer colocar em prática no Ubuntu 19.10 tornou-se um problema para projetos como o Wine e Steam.

Parece que os planos anunciados pela Canonical esta semana para abandonar definitivamente seus pacotes/bibliotecas de 32 bits começando com o Ubuntu 19.10 estarão causando problemas para os projetos que dependem desses itens.

Os projetos Wine e Steam estão entre os poucos que ainda continuam vivendo principalmente em função de um mundo de 32 bits.

Abandono do suporte a 32 bits no Ubuntu afetou o projeto Wine
Abandono do suporte a 32 bits no Ubuntu afetou o projeto Wine

A Valve certamente tem os recursos para chegar a uma solução oportuna, especialmente com o Ubuntu sendo a distribuição Linux mais popular usada pelo Steam e eles podem continuar enviando suas próprias bibliotecas do Steam Runtime de 32 bits e outras alterações, conforme necessário.

Abandono do suporte a 32 bits no Ubuntu afetou o projeto Wine

Para o projeto upstream do Wine pode ser um pouco mais complicado fornecer pacotes do Wine de 32 bits para o Ubuntu.

Pelo menos a curto prazo, até que uma solução adequada seja encontrada para fornecer seus builds de 32 bits para os usuários do Ubuntu.

Infelizmente, aqueles que fornecem os empacotadores WineHQ para o Ubuntu não querem se aventurar a fornecer uma coleção inteira de bibliotecas/dependências de 32 bits apenas para o sistema da Canonical.

Também parece que há vários desenvolvedores, pelo menos, céticos em relação à ‘solução’ apoiada pela Canonical para usar pacotes LTS do Ubuntu 18.04 de 32 bits a partir de um Snap.

Entretanto, fornecer uma compilação de 64 bits apenas para o Wine seria de utilidade limitada.

Esta situação do Ubuntu planejando descontinuar seu suporte x86 de 32 bits começando com o Ubuntu 19.10 está sendo discutida agora na lista wine-devel.

Henri Verbeet, desenvolvedor Wine da CodeWeavers, chegou ao ponto de não fornecer nenhum pacote do Ubuntu, pelo menos até que uma solução melhor possa ser desenvolvida.

“Eu acho que não criar pacotes para o Ubuntu 19.10 seria a única opção prática. No entanto, provavelmente seria bom ter uma pequena explicação sobre a página de download. Pelo que entendi, ainda seria possível executar executáveis ​​de 32 bits no kernel do Ubuntu 19.10, mas nós teríamos que criar e enviar todas as nossas dependências nós mesmos. Eu não acho que nós queremos ir lá ainda.”

Andrew Eikum, da CodeWeavers, trouxe a ideia de usar o Steam Runtime como pacotes dependentes de 32 bits.

Isso cobriria a maioria de suas bases, mas ainda há alguns outros pacotes que eles precisariam resolver.

Veremos o que acontece com os planos do Ubuntu 19.10 apenas para 64 bits nas próximas semanas. E claro, assim que novidades forem sendo divulgadas, publicarei algo aqui no Blog.

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Ajude a manter o Blog do Edivaldo - Faça uma doação

Se você gosta do conteúdo do Blog, você pode ajudar a manter o site simplesmente fazendo uma doação única, esporádica ou mensal, usando uma das opções abaixo:

Doação usando Paypal

Doação usando PagSeguro
Outras formas de ajudar a manter o Blog do Edivaldo