Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Apple assumiu a liderança do mercado de PCs baseados em ARM

Segundo o relatório da Strategy Analytics, a Apple assumiu a liderança do mercado de PCs baseados em ARM em 2021.

Há dois anos, a Apple anunciou a transição dos processadores de seus dispositivos para sua solução proprietária, a família “M”, o que deu origem ao Apple M1, a primeiro CPU da empresa na arquitetura ARM.

Essa foi uma decisão ousada, que funcionou muito bem e rendeu à empresa uma liderança de 90% nos lucros de chipset tipo notebook em 2021, conforme aponta o relatório da Strategy Analytics.

Apple assumiu a liderança do mercado de PCs baseados em ARM

Apple assumiu a liderança do mercado de PCs baseados em ARM
Apple assumiu a liderança do mercado de PCs baseados em ARM

A notícia um tanto surpreendente mostra que a Apple conseguiu superar outros dispositivos de destaque no nicho, como Chromebooks e PCs Windows-on-Snapdragon, em pouco tempo.

Nesse contexto, não há fórmula secreta: enquanto a concorrência alcançava um desempenho normal e exigia preços altos, a Apple entregava níveis satisfatórios de desempenho eficiente, embalado em um visual atraente, e firmava sua marca no mercado.

Apple assumiu a liderança do mercado de PCs baseados em ARM
Apple assumiu a liderança do mercado de PCs baseados em ARM

O relatório também sugere que a Apple permanecerá na liderança por algum tempo. De acordo com os dados, a empresa pode ter alcançado uma vantagem de dois a três anos sobre a concorrência.

Essa “concorrência” é representada principalmente em um nicho pela Qualcomm – que ainda decepciona quando o assunto é desempenho.

A previsão é baseada nas estatísticas de vendas da Apple para PCs com processadores ARM entre o ano de 2021 e o primeiro trimestre de 2022 – estimado em 34,9 milhões de unidades.

O sucesso aumentou a capitalização de mercado da ARM no nicho geral de computadores para 9%. É uma conquista praticamente histórica para o fabricante britânico.

Considerando os planos da Apple para mais CPUs de PC baseadas em ARM, a presença e a importância da ARM no segmento de PCs só aumentarão nos próximos anos.

A Apple revelou recentemente o M2 durante sua conferência WWDC. A empresa também apresentou dois novos modelos de MacBook para estrear o novo chipset.

Ainda este ano, esperamos que as primeiras variações do M2 cheguem. Enquanto isso, a Qualcomm luta com seu objetivo de se tornar a “alternativa” para computadores ARM que não são da Apple.

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.