Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Bluefish Editor 2.2.11 lançado com compatibilidade com Python 3

E foi lançado o Bluefish Editor 2.2.11 com compatibilidade com Python 3. Confira as novidades e veja como instalar esse aplicativo no Linux.

O Bluefish Editor é geralmente considerado uma excelente opção para desenvolvedores e designers da Web, iniciantes e especialistas, para o desenvolvimento de páginas e sites, e muitos outros projetos de programação em geral.

Bluefish Editor 2.2.11 lançado com compatibilidade com Python 3
Bluefish Editor 2.2.11 lançado com compatibilidade com Python 3

Já falei sobre o Bluefish em um artigo anteriore, porque ele é realmente muito útil e prático em sua categoria.
Conheça algumas boas opções de editores de código para Linux

Com seu amplo conjunto de recursos, ele pode fazer quase qualquer coisa como um IDE.

Uma característica interessante do Bluefish é sua integração com programas de terceiros. O Bluefish é versátil para suportar diferentes idiomas.

Ele suporta Ada, ASP.NET, VBS, C/C++, CSS, CFML, Clojure, D, gettextPO, Google Go, HTML, XHTML, HTML5, Java, JSP, JavaScript, jQuery e Lua.

A página do site desse aplicativo o descreve assim:

“O Bluefish é uma das melhores opções para desenvolvedores e web designers, iniciantes e experientes, para o desenvolvimento de sites e páginas dinâmicos, scripts e códigos de programação geral. Certamente o Bluefish é conhecido como editor de HTML, mas seus recursos vão muito além. O Bluefish é gratuito, sob a licença GPL, e está disponível para plataformas Linux, Solaris, OS X e Windows.”

Agora, esse mesmo site oficial anunciou a disponibilidade da nova versão 2.2.11.

Novidades do Bluefish Editor 2.2.11

Bluefish Editor 2.2.11 é uma versão secundária de manutenção e uma versão secundária de recursos. Com a única exceção de compatibilidade com o Python 3, que é uma grande mudança.

Os desenvolvedores alertam que, se eles compilarem o Bluefish com o Python 3, poderão sofrer novos bugs.

Outras pequenas alterações incluídas são:

  • Seleção de clique duplo aprimorada (por exemplo, seleção de um nome de função com sublinhados), que agora também é configurável por idioma;
  • Seleção aprimorada de clique duplo (por exemplo, selecionando um nome de função com sublinhados), que agora também é configurável por idioma; a inclusão de uma função para preencher uma linha com espaços até um clique do mouse, para poder começar a escrever em qualquer posição da tela (com uma fonte de largura fixa); e corrigindo uma falha executando ações de substituição muito grandes no disco em muitos arquivos.
  • Por último, mas não menos importante, o recurso Localizar e substituir agora ignora os arquivos de backup por padrão. Além disso, corrige o realce do cursor e o realce da linha para obter um erro raro, adicionando um novo pequeno recurso para inserir a saída de um comando externo na posição atual do cursor e atualizando muitos dos arquivos de linguagem como: CSS, Python e HTML.

Para saber mais sobre essa versão do Bluefish Editor, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar o Bluefish Editor 2.2.11

Para instalar a versão mais recente do Bluefish Editor nas principais distribuições Linux, use esse tutorial:
Como instalar o editor de código Bluefish no Linux via Flatpak

O que está sendo falado no blog

Veja mais artigos publicados neste dia…

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.