Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

CentOS 7.9.2009 lançado com base no Red Hat Enterprise Linux 7.9

Johnny Hughes anunciou o lançamento do CentOS 7.9.2009, a atualização mais recente da série 7.x do projeto. Confira as novidades e descubra onde baixar a distro.

Muito mais do que um simples projeto ou sistema operacional, o CentOS como um grupo é uma comunidade de colaboradores e usuários de código aberto.

O CentOS é uma recompilação 100% compatível do Red Hat Enterprise Linux, em total conformidade com os requisitos de redistribuição da Red Hat.

Usuários típicos do CentOS são organizações e indivíduos que não precisam de forte suporte comercial para obter uma operação bem-sucedida.

Ou seja, esse sistema é feito para pessoas que precisam de estabilidade do sistema operacional de classe empresarial, sem o custo de certificação e suporte.

Agora, o desenvolvedor do CentOS, Johnny Hughes, anunciou a disponibilidade geral da distribuição CentOS Linux 7.9, que é baseada no código-fonte do sistema operacional Red Hat Enterprise Linux 7.9.

Novidades do CentOS 7.9.2009

CentOS 7.9.2009 lançado com base no Red Hat Enterprise Linux 7.9
CentOS 7.9.2009 lançado com base no Red Hat Enterprise Linux 7.9

Efetivamente imediatamente, este é o lançamento atual do CentOS Linux 7 e é marcado como 2009, derivado do código-fonte do Red Hat Enterprise Linux 7.9.

CentOS Linux 7.9 está repleto de grandes melhorias, incluindo suporte para o interpretador Python 3.6, layout de área de trabalho redesenhado, melhorias nos Perfis de Segurança no instalador gráfico Anaconda, bem como a capacidade de relatar bugs diretamente para bugs .centos.org.

Como esperado, muitos pacotes receberam atualizações importantes. Entre os mais importantes, estão FreeRDP 2.1.1, kernel Linux 3.10.0-1160, MariaDB 5.5.68, Pacemaker 1.1.23 e SSSD (System Security Services Daemon) 1.16.5. E a nova mídia de instalação também vem com todos os patches de segurança do upstream.

Além disso, este lançamento inclui muitos dos excelentes recursos do Red Hat Enterprise Linux 7.9.

Isso inclui um novo perfil SCAP para o benchmark CIS (Centro de Segurança da Informação), suporte ao driver EDAC (Detecção e Correção de Erros) para sistemas Intel ICX, bem como suporte completo para software host Intel Omni-Path Architecture (OPA).

Também é totalmente compatível com o adaptador de rede Mellanox ConnectX-6 Dx, e o CentOS 7.9 agora oferece suporte a Data Integrity Field/Data Integrity Extension (DIF/DIX), fornecendo suporte total para o adaptador de barramento de host (HBA) e configuração de storage array.

Além disso, as fontes do kernel em tempo real foram atualizadas para usar a árvore de fontes do kernel RHEL mais recente e há uma nova estrutura, unixODBC 2.3.4, que permite aos usuários acessar bancos de dados por meio do protocolo ODBC.

Esta versão substitui todo o conteúdo lançado anteriormente para CentOS Linux 7 e, portanto, o projeto convida todos os usuários a atualizar suas máquinas.

Observe que o conteúdo mais antigo, obsoleto por versões mais recentes dos mesmos aplicativos, é removido de repositórios como Extras/ e Plus/; no entanto, desta vez, também estendemos isso ao conteúdo SIG hospedado em mirror.centos.org, e alguns conteúdos antigos de fim de vida foram descartados.

Tudo o que lançamos está sempre disponível no serviço do Vault para as pessoas que ainda procuram e realmente precisam disso.

Para saber mais sobre essa versão da distribuição, acesse a nota de lançamento.

Baixe e experimente o CentOS 7.9.2009

CentOS Linux 7.9 está disponível para download para sistemas de 64 bits (x86_64), bem como para sistemas de 32 bits (i386), ARMhfp, AArch64 (ARM64), PowerPC 64 bits (PPC64), PowerPC 64 -bit Little Endian (ppc64le) e arquiteturas POWER9, que você pode baixar aqui.

Se você ainda estiver usando a série CentOS 7 em seu hardware, é altamente recomendável que você atualize para a versão 7.9 o mais rápido possível usando o sistema de gerenciamento de pacote integrado.

Caso contrário, as novas imagens ISO estão aqui apenas para novas implantações. As imagens ISO do 7.9.2009 já pode ser baixada acessando a página de download da distribuição.

Verifique se a imagem ISO está corrompida

Antes de gravar a imagem ISO que você baixou, verifique se ela está corrompida usando o tutorial abaixo:
Como verificar se uma imagem ISO está corrompida

Como gravar uma imagem ISO no Linux

Quem precisar gravar a imagem ISO após o download, pode usar esse tutorial do blog:

Como gravar uma imagem ISO Usando o Nautilus
Como gravar uma imagem ISO usando o Terminal
Como criar um pendrive de instalação
Como criar um pendrive inicializável com GNOME Disks
Como criar um pendrive inicializável com o Etcher no Linux

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.