Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

Como compartilhar arquivos no Linux com um único comando

Se você acha difícil distribuir arquivos entre um sistema Linux e, por exemplo, um Windows ou macOS, veja como instalar o Serve e usá-lo para compartilhar arquivos no Linux com um único comando.

Existem várias opções de compartilhamento de arquivos para Linux, algumas para ambientes homogêneos (LinuxLinux) e outras para heterogêneos (LinuxWindowsmacOS), como o Samba.

Como compartilhar arquivos no Linux com um único comando
Como compartilhar arquivos no Linux com um único comando

Entretanto, nem sempre o Samba pode ser a melhor opção para usuários menos experientes, principalmente, por conta da complexidade de sua configuração.

Felizmente, sempre existe uma boa alternativa. Nesse caso, ela se chama Serve e é um módulo que faz exatamente o que você está procurando: Ele fornece uma interface limpa para listar o conteúdo do diretório e alternar para subpastas.

E abaixo, você verá como instalar e usar esse recurso.

Como compartilhar arquivos no Linux com um único comando

Para instalar o Serve, primeiramente, você precisa instalar o Node.js e o gerenciador de pacotes JavaScript NPM.

No Ubuntu e derivados, você pode usar o comando sudo apt-get install nodejs npm. Se estiver usando outra distro, consulte esses tutoriais:

Descubra como instalar o Node.js no Linux
Veja como instalar o interpretador Node.js no Linux via Snap

Depois, para instalar e usar o Serve, faça o seguinte:

Abra um terminal e instale o serve com o seguinte comando;

npm install -g serve

Para compartilhar uma pasta, use o seguinte comando (substitua ‘pasta’ pelo nome da pasta que você quer compartilhar):

serve pasta/

Se você quiser usar uma porta de comunicação diferente da padrão, basta usar o comando da seguinte forma (substitua ‘pasta’ pelo nome da pasta que você quer compartilhar e ‘1234’ pelo número da porta):

serve -p 1234 pasta/

Se você quiser utilizar ssl, basta que usar o comando assim:

serve --ssl pasta/

E lembre-se: para acessar o compartilhamento, abra um navegador e digite o nome/ip do servidor, seguido de dois pontos e do numero da porta (que por padrão é 5000), como na imagem do inicio deste tutorial.

Compartilhe:
Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.