Firefox 66 lançado com compatibilidade para o GNOME Desktop

A Fundação Mozilla anunciou que lançou o 66 compatibilidade para o GNOME Desktop e melhor desempenho. Confira as novidades e veja como instalar ou atualizar.


O Firefox é o padrão do Ubuntu e de outros sistemas Linux, e normalmente, a última versão do Firefox fica disponível como uma atualização de segurança em todas as versões suportadas das principais distribuições Linux, pouco depois de algumas horas do anúncio da Mozilla.
Firefox 66 lançado com compatibilidade para o GNOME Desktop
Firefox 66 lançado com compatibilidade para o GNOME Desktop

Agora, a Mozilla lançou o navegador Firefox 66 para todas as plataformas suportadas, incluindo Linux, macOS e Microsoft Windows, com novos recursos e várias melhorias de desempenho.

Novidades do Firefox 66

O Firefox 66 é a primeira versão do navegador web a esconder a barra de título do sistema por padrão quando executada na parte superior do ambiente de área de trabalho do GNOME.

Se você olhar a captura de tela mais acima, verá que o Firefox agora respeita as diretrizes do GNOME e parece muito melhor.

Também para usuários do Linux, a versão do Firefox 66 resolve um problema que impedia o navegador de baixar arquivos sem congelar.

Além disso, a Mozilla melhorou o desempenho geral de seu navegador da Web de código aberto e reduziu as taxas de falhas para dobrar os processos de carregamento de conteúdo web de 4 para 8.

Quanto aos novos recursos, o Firefox 66 implementa um mecanismo que bloqueia sites de reproduzir automaticamente conteúdo de áudio e vídeo, o que pode ser muito irritante em algumas situações.

A Mozilla deu aos usuários a capacidade de escolher quais sites poderão reproduzir conteúdo multimídia adicionando-os a uma lista de permissões.

Com o Firefox 66, o Mozilla melhorou a experiência de pesquisa, permitindo que os usuários encontrassem uma página específica muito mais rapidamente quando tinham várias abas abertas no menu de abas, além de facilitar a busca por uma nova aba redesenhada no modo Janela Privada.

Também foi melhorada a experiência de rolagem, que agora é mais suave.

Outras mudanças notáveis ​​adicionadas ao do Firefox 66 incluem uma experiência de usuário muito melhorada para extensões, que agora armazenam suas configurações em um banco de dados em vez de arquivos JSON individuais para uma navegação mais rápida, e uma seção de atalhos de teclado renovada na página ‘about:addons’, para uma configuração de atalhos mais fácil.

A Mozilla também está experimentando uma experiência aprimorada de Pocket na página New Tab, permitindo mais conteúdo tópico e diferentes layouts no navegador Firefox 66.

Para saber mais sobre essa versão do Firefox, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar o Firefox

A nova versão estará no repositório oficial do Ubuntu e outras distros em breve. Até lá, quem quiser se adiantar (ou não), deve usar uma das opções abaixo.

Para instalar a versão mais recente do Firefox em qualquer distribuição Linux, use esse tutorial:
Firefox no Linux: veja como instalar manualmente

Se você precisa de um Firefox estável e que suporta plugins abandonados pela versão principal do navegador, veja como instalar o Firefox ESR no Linux manualmente.
Firefox ESR no Linux – veja como instalar manualmente

Já se você usa o Ubuntu ou um derivado dele e atualizou o sistema, e a nova versão não apareceu, siga os passos deste tutorial e resolva seu problema.
Firefox no Ubuntu: veja como manter o navegador atualizado

E se você quiser experimentar as últimas versões do Firefox no Ubuntu, dê uma olhada nesse tutorial:
Como experimentar as últimas versões do Firefox no Ubuntu

Você também pode instalar o programa usando esse outro tutorial:
Como instalar o navegador Firefox no Linux via Snap

O que está sendo falado no blog

Ajude a manter o Blog do Edivaldo - Faça uma doação

Se você gosta do conteúdo do Blog, você pode ajudar a manter o site simplesmente fazendo uma doação única, esporádica ou mensal, usando uma das opções abaixo:

Doação usando Paypal

Doação usando PagSeguro
Outras formas de ajudar a manter o Blog do Edivaldo