Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

GIMP 2.10.30 lançado com melhorias no suporte ao formato PSD

Foi lançado o GIMP 2.10.30 com melhorias no suporte ao formato PSD, e mais. Confira as novidades e veja como instalar ou atualizar no seu sistema.

O GIMP, ou GNU Image Manipulation Program, é um editor de imagens expansível através de plugins e distribuído gratuitamente para ser usado em tarefas como retoque de fotos, composição de imagem e criação de imagem.

GIMP é um editor de imagens bastante popular no mundo do Linux e talvez a melhor alternativa do Adobe Photoshop, porque, após tantos anos de desenvolvimento, ele alcançou grande aceitação pela comunidade.

Com isso, ele conseguiu se posicionar em um dos aplicativos de edição de imagens que podem ser encontrados em quase todos os repositórios das distribuições Linux.

Além disso, esse editor funciona em vários sistemas operacionais, e é traduzido em muitas línguas.

Mas, mesmo tendo muitos recursos, o Gimp pode ser usado como um simples programa de pintura, um programa de retoque de fotos especialista em qualidade, um sistema de processamento em lote on-line, um processador de imagem de produção em massa ou até como um conversor de formato de imagem, além de diversas outras tarefas.

Agora, o projeto GIMP lançou o GIMP 2.10.30, que vem com muitas correções e melhorias incrementais.

Novidades do GIMP 2.10.30

GIMP 2.10.30 lançado com melhorias no suporte ao formato PSD
GIMP 2.10.30 lançado com melhorias no suporte ao formato PSD

Ainda falta algum tempo antes de ver o tão esperado lançamento do GIMP 3.0 para este programa de manipulação de imagens de código aberto, mas pelo menos hoje está o GIMP 2.10.30 para melhorar a série estável atual.

O GIMP oferece suporte a muitos dos formatos de imagem padrão da indústria, como JPEG e PNG. O programa usa uma extensão de arquivo proprietária (XCF), mas abre e exporta para muitos arquivos gráficos diferentes, um dos quais é PSD, o formato de arquivo nativo do Adobe Photoshop.

E com o GIMP 2.10.30, o suporte PSD recebeu vários tipos de melhorias.

Como dito antes, PSD é um formato de arquivo de imagem nativo do popular aplicativo Photoshop da Adobe.

Agora o GIMP é capaz de carregar mais subcasos de PSD, como máscaras de camada marcadas com dimensões inválidas, CMYK sem alfa e CMYK sem camadas.

A exportação de AVIF agora favorece o codificador AOM (Alliance for Open Media). É importante observar que agora a extensão .avif será associada ao GIMP durante a instalação do próprio aplicativo.

No Linux e em outros sistemas operacionais que podem usar um serviço de frontend de portal para Flatpak e possivelmente outras estruturas de contenção de desktop, o GIMP 2.10.30 implementou a seleção de cores no display com a API Freedesktop quando disponível, mantendo as implementações antigas como substitutos.

Além disso, o plugin de captura de tela agora também usa prioritariamente a API Freedesktop em vez da API específica do KDE ou GNOME.

Não podemos deixar de mencionar que agora a ferramenta de texto do GIMP não seguirá mais a escolha de renderização de fonte de subpixel das configurações do sistema.

A renderização de subpixel é para GUI em uma tela de um tipo e ordem de pixel específicos e não é adequada para conteúdos de imagem que podem ser ampliados ou reduzidos, exibidos em várias telas ou mesmo impressos.

Por último, mas não menos importante, entre os 82 idiomas para os quais o GIMP está disponível, 14 traduções foram atualizadas.

Para saber mais sobre essa versão do GIMP, acesse a nota de lançamento.

Como instalar ou atualizar o GIMP

Até então, se você estiver usando o GIMP, atualize para a versão 2.10.30 assim que aparecer nos repositórios de software estáveis ​​de suas distribuições Linux favoritas.

Você também pode instalá-lo agora usando o binário universal Flatpak (flatpak update org.gimp.GIMP//stable) ou baixando e compilando o tarball do código fonte do site oficial (veja mais opções de instalação mais abaixo).

Para instalar a versão mais recente do GIMP nas principais distribuições Linux, use esse tutorial:
Como instalar o editor de imagens GIMP no Linux via Flatpak
Como instalar a última versão do GIMP no Ubuntu e seus derivados
Como instalar a última versão do GIMP no Ubuntu e seus derivados

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.