Do not speak Portuguese? Translate this site with Google or Bing Translator

GNU Binutils 2.39 lançado com avisos no ELF Linker, e muito mais

E foi lançado o GNU Binutils 2.39 com avisos no ELF Linker, e muito mais. Confira as novidades e veja como instalar no Linux.

GNU Binary Utilities, ou binutils, é coleção de utilitários de software livre muito comuns em sistemas Linux e outras plataformas.

São um conjunto de ferramentas de programação para criar e gerenciar programas binários, arquivos de objetos, bibliotecas, dados de perfil e código-fonte de montagem.

GNU Binutils fornece o GNU Linker e Assembler juntamente com vários outros utilitários como strip, readelf, objdump, strip e outros utilitários comuns para a cadeia de ferramentas GNU.

Os GNU Binutils são normalmente usados ​​em conjunto com compiladores como o GNU Compiler Collection (gcc), ferramentas de construção como make e o GNU Debugger (gdb).

Através do uso da biblioteca Binary File Descriptor (libbfd), a maioria das ferramentas suporta os vários formatos de arquivos de objetos suportados pela libbfd.

Agora, após o lançamento do GNU Glibc 2.36 no início desta semana, o GNU Binutils 2.39 foi lançado para este conjunto comum de utilitários binários em sistemas de código aberto.

Novidades do GNU Binutils 2.39

GNU Binutils 2.39 lançado com avisos no ELF Linker, e muito mais
GNU Binutils 2.39 lançado com avisos no ELF Linker, e muito mais

O mais notável com o GNU Binutils 2.39 é que o vinculador ELF agora gerará um aviso se uma pilha se tornar executável.

O vinculador agora também avisará se o binário de saída contiver um segmento com todos os três bits de permissão de leitura/gravação/execução definidos.

Esses avisos são para ajudar os desenvolvedores a identificar softwares que podem ser vulneráveis ​​a ataques das regiões de memória executável.

Apesar desses avisos com o Binutils 2.39 virem habilitados por padrão, mas podem ser desabilitados por meio de novas opções de linha de comando.

O GNU Binutils 2.39 também adiciona uma opção “--package-metadata” ao vinculador ELF para incorporar uma carga JSON em suporte à especificação de metadados do pacote.

Enquanto isso, o programa objdump do Binutils agora suporta realce de sintaxe colorido em sua saída de desmontagem.

O GNU Binutils 2.39 também possui outras melhorias.

Para saber mais sobre essa versão do GNU Binutils, acesse a nota de lançamento.

Como instalar

O GNU Binutils está disponível por padrão na maioria das distribuições Linux e podem ser instaladas usando apenas o gerenciador de pacotes desstas.

Por exemplo, no Debian, Ubuntu e derivados, basta usar o seguinte comando:
sudo apt instal binutils

Sobre o Edivaldo Brito

Edivaldo Brito é analista de sistemas, gestor de TI, blogueiro e também um grande fã de sistemas operacionais, banco de dados, software livre, redes, programação, dispositivos móveis e tudo mais que envolve tecnologia.